19 de junho de 2024 Atualizado 08:43

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Andrés Sanchez detona Augusto Melo em resposta nas redes: ‘Acabou com o Corinthians’

Por Agência Estado

26 de maio de 2024, às 14h46 • Última atualização em 26 de maio de 2024, às 17h54

O clima nos bastidores do Corinthians não está nada bom. Se dentro de campo o time está longe de viver seus dias de glória, fora dele parece que a situação está igual – ou pior. Neste domingo, o ex-presidente Andrés Sanchez foi às redes sociais para responder um torcedor que o questionou sobre a situação atual do clube, em consequência das gestões anteriores à do atual presidente, Augusto Melo.

Na rede social X (antigo Twitter), Andrés fez uma postagem sobre as contas da mulher de um apresentador. Em cima disso, um torcedor do Corinthians o questionou sobre o “sentimento de ter acabado” com o clube. O ex-mandatário não se calou e respondeu em seguida, fazendo referência ao atual presidente em exercício no Parque São Jorge. “Teu presidente gasta (R$) 150 milhões em 40 dias e eu acabo com o Corinthians? Tá bom, desculpa.”

A declaração de Andrés Sanchez se refere à movimentação do Corinthians durante a janela de transferências. Na gestão de Augusto Melo, o time alvinegro desembolsou aproximadamente R$ 129 milhões em seis dos 11 jogadores que chegaram, de acordo com informações do próprio clube. Este montante, no entanto, será pago em parcelas.

O atual elenco do Corinthians custa, em média, R$ 20 milhões por mês. Mas está longe de agradar o torcedor como antigamente. Setores como o ataque estão sendo constantemente questionados pela torcida. A instabilidade financeira do clube levanta a dúvida se os valores foram bem gastos, assim como sugere a fala de Andrés.

Augusto Melo derrubou o grupo de Andrés do poder após 17 anos, na eleição realizada no fim do ano passado. Na ocasião, superou André Negão nas eleições, com 2.771 votos, um total de 66,3% dos votantes. Dentre suas metas está a de reerguer o Corinthians e fazê-lo conquistar títulos, o que não acontece desde 2019. Ele herdou uma dívida que se aproxima de R$ 1 bilhão.

Com Andrés Sanchez como presidente, o Corinthians ganhou o Paulistão em 2009, 2018 e 2019, além de Copa do Brasil de 2009, Brasileirão de 2011 e a Série B de 2008.

Publicidade