05 de agosto de 2021 Atualizado 09:06

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

América-MG empata com Juventude na estreia de Mancini e segue sem vencer

Por Agência Estado

24 jun 2021 às 18:15 • Última atualização 24 jun 2021 às 18:27

América-MG e Juventude marcaram em cobranças de pênaltis e só empataram por 1 a 1, na tarde desta quinta-feira, na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG), pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Matheus Peixoto fez para os gaúchos e Juninho Valoura deixou tudo igual para os mineiros, que jogaram com um a menos em parte do duelo.

A partida marcou a estreia do técnico Vagner Mancini. O América, porém, segue sem vencer e amarga a vice-lanterna do torneio com apenas dois pontos. O Juventude, em 11.º lugar, chegou aos seis pontos.

O Juventude foi dominante no primeiro tempo. Tanto é verdade que marcou logo aos quatro minutos. Mas o chute de canhota de Vitor Mendes foi invalidado pela arbitragem por causa de impedimento. Aos cinco, o América respondeu em cabeçada de Ribamar. A bola assustou Marcelo Carné.

O Juventude não se intimidou e foi para cima. Paulinho Bóia deu o primeiro susto em finalização de esquerda aos 19 minutos. Jori teve que ir buscar. No lance seguinte, Rafael Forster bateu do meio da rua e viu a bola passar perto.

O Juventude não deu trégua e chegou ao gol. Paulinho Bóia foi derrubado na área. Na cobrança de pênalti, Matheus Peixoto chutou rasteiro e venceu Jori.

O segundo tempo, em boa parte, foi sem graça. Aos 28 minutos, Ricardo Silva recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Mesmo com um jogador a menos, o América chegou ao empate. Ribamar foi derrubado por Didi dentro da área. Na cobrança de pênalti, Juninho Valoura chutou firme, no canto esquerdo e deixou tudo igual.

Na sétima rodada, o América-MG voltará a jogar no Independência, agora, contra o Internacional, no domingo, às 20h30. No mesmo dia, mas às 11 horas, o Juventude receberá o Flamengo no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS).

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 1 X 1 JUVENTUDE

AMÉRICA-MG – Jori; Eduardo, Ricardo Silva, Anderson Jesus e Alan Ruschel (Ramon); Zé Ricardo (Marcelo Toscano), Juninho Valoura, Juninho (Lucas Kal) e Geovane (Bruno Nazário); Rodolfo José (Felipe Azevedo) e Ribamar. Técnico: Vagner Mancini.

JUVENTUDE – Marcelo Carné; Michel, Vitor Mendes, Rafael Forster (Didi) e William Matheus; Elton, Matheus Jesus e Wescley (Chico); Paulinho Bóia (Capixaba), Matheus Peixoto (Fernando Pacheco) e Marcos Vinícios (Bruninho). Técnico: Marquinhos Santos.

GOLS – Matheus Peixoto (pênalti), aos 35 minutos, do primeiro tempo. Juninho Valoura (pênalti), aos 38 minutos, do segundo tempo.

ÁRBITRO – Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).

CARTÕES AMARELOS – Ricardo Silva, Bruno Nazário (AMÉRICA-MG); Elton (JUVENTUDE).

CARTÃO VERMELHO – Ricardo Silva (AMÉRICA-MG)

RENDA e PÚBLICO – Portões fechados.

LOCAL – Arena Independência, em Belo Horizonte (MG).

Publicidade