26 de maio de 2024 Atualizado 17:59

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cultura

Wilma Petrilho, viúva de Gal, pede audiência de conciliação com filho da cantora

Por Agência Estado

22 de abril de 2024, às 23h35

Wilma Petrillo, viúva de Gal Costa, solicitou uma audiência de conciliação urgente com Gabriel Penna Burgos Costa, o único filho da cantora – a audiência, no entanto, ainda não tem data marcada. Os dois estão envolvidos em uma disputa judicial pela herança da artista. A informação foi confirmada nesta segunda-feira, 22, pela assessoria de Gabriel ao Estadão.

A advogada de Petrillo, Vanessa Bispo, informou ao Estadão que a audiência tem como objetivo “reunir mãe e filho para que possam resolver suas diferenças”.

Petrillo alega que mantinha uma união estável com Gal e, portanto, é sua herdeira. Gabriel inicialmente reconheceu essa condição diante de um juiz, porém posteriormente voltou atrás e entrou com uma ação para anular o documento, argumentando que elas não viviam como um casal.

“Ela virou empresária da minha mãe, realmente. Elas começaram a morar juntas, só que sem nenhum tipo de relacionamento além da amizade e do trabalho”, disse o filho da cantora em entrevista ao Fantástico.

Gabriel entrou com um processo para reivindicar o direito à herança da mãe. Ele contesta a fração pretendida pela ex-empresária de Gal – e apresentada pela imprensa como sua viúva – Wilma Teodoro Petrillo. O processo corre em segredo de justiça no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP).

A informação sobre o processo foi confirmada ao Estadão por uma das advogadas de Gabriel, Luci Vieira Nunes. A advogada confirmou à reportagem que prestou assessoria jurídica a Gal em 1998, inclusive em uma ação trabalhista. Luci também atuou no processo de adoção de Gabriel.

A advogada Mariana de Athayde Ferreira também faz parte da defesa de Gabriel. Em nota enviada à reportagem, Luci diz que Gabriel contratou as advogadas para defender seus direitos à herança de sua mãe e “e diz que (Gabriel) defenderá a vontade dela na justiça”.

Em agosto de 2023, Wilma foi nomeada como inventariante dos bens deixados por Gal. Naquele momento, Gabriel, ainda menor de idade, ficou sob a guarda temporária da empresária.

Antes disso, em julho do mesmo ano, a Justiça de São Paulo convocou o filho de Gal Costa, Gabriel Costa Penna, para reconhecer se havia ou não uma união estável entre a cantora e Wilma Petrillo, depois da Defensoria Pública se posicionou contrária à confirmação do relacionamento. Wilma, então, fez um novo pedido de reconhecimento da união.

Recentemente, Gabriel fez um acordo extrajudicial com as primas da cantora, Verônica e Priscila Silva. Juntos, eles estão comprometidos em estabelecer a Fundação Gal Costa de Incentivo à Música e Cultura, uma instituição sem fins lucrativos e originalmente planejada no testamento da cantora em 1997 (ele foi revogado em 2019).

Publicidade