15 de junho de 2024 Atualizado 17:54

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cultura

Marcelo Serrado chora ao lembrar crise de pânico

Por Agência Estado

10 de junho de 2024, às 08h47

Marcelo Serrado falou sobre a crise de pânico que teve recentemente durante um voo entre Brasil e Estados Unidos em entrevista que foi ao ar no Fantástico deste domingo, 9. “Me sinto um vencedor. No sentido de uma coisa pequena que eu tive, que não foi nada pra muita gente… E eu consegui passar por isso. Tô com remédio no bolso agora, e fazendo terapia”, desabafou.

Sobre como lida após a situação, Marcelo Serrado refletiu: “A vida é agora. Tem que pensar no ‘hoje’. Continuar trabalhando, fazendo as pessoas alegres, dando risada, sendo leve na vida, não pesando as coisas… É isso. Vai dar tudo certo. Estou confiante que vou conseguir. Ainda é difícil pra mim falar. É uma vitória estar falando isso”.

O ator também relatou sobre a crise de pânico pela qual passou quando viajava acompanhado por sua mulher, Roberta, e os três filhos, Catarina, de 18 anos, e Felipe e Guilherme, de nove.

“Entrei no voo daqui pra Orlando. Quando a porta fechou, já senti um negócio. Um medo de surtar. Aí você começa a fazer projeção do futuro. Daqui a pouco vou me ver ali, deitado no chão, vão ter que desviar o avião, seu coração começa a disparar”, disse.

Ele recebeu auxílio de outro passageiro, que também é piloto. “Conversando com ele, foi me acalmando”, destacou.

Marcelo Serrado ainda contou o momento em que descobriu sofrer com o problema de saúde: “9 de dezembro de 2020. Época da covid. Perdi um amigo, o Eduardo Galvão. Estava num hotel e comecei a sentir sensações estranhas. Fui ao médico. Ele falou: ‘Você está tendo uma crise de pânico, síndrome de ansiedade’. Como você trata? Psiquiatria. Com psiquiatra, remédio, médico. Tomei remédios durante um ano e meio”.

Publicidade