19 de junho de 2024 Atualizado 10:03

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cultura

Daphne Bozaski revivendo memória noveleira na pele da romântica Lupita

Por CAROLINE BORGES_TV PRESS

09 de junho de 2024, às 16h15 • Última atualização em 09 de junho de 2024, às 16h16

Daphne Bozaski estabeleceu rapidamente uma conexão bastante pessoal com a sonhadora Lupita, de “Família é Tudo”. A atriz de 31 anos diz que tem uma relação especial com as telenovelas. Na trama de Daniel Ortiz, Lupita é uma guatemalteca apaixonada pelos folhetins brasileiros.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

“Desde pequena, acompanhava as novelas. Quando cresci, uma novela que me marcou muito foi ‘Avenida Brasil’. Eu já morava em São Paulo, fazia teatro e lembro que na semana final da novela a cidade estava vazia, parada para ver os últimos capítulos. E quase ninguém foi nos assistir no teatro naquele final de semana. Foi algo que me marcou muito”, relembra.

A doce e sonhadora guatemalteca muda-se para o Brasil na esperança de uma vida melhor e consegue emprego na Mancini Music como secretária de Júpiter, papel de Thiago Martins. Com um visual para lá de extravagante, ela sonha um dia ser cantora e acredita que trabalhar na gravadora pode ser o trampolim de que precisava. Louca para encontrar seu príncipe de telenovela latina, se apaixona pelo chefe.

“Lupita é uma pessoa cheia de esperança e com certeza está vivendo o melhor momento da sua vida. Adora customizar suas roupas e em seu estilo traz inspirações da cultura guatemalteca. Ela não sai de casa sem o seu batom com cores vivas. É superfã da Thalía Ariadne e adora cantar suas músicas”, explica.

Dando vida a uma personagem natural da Guatemala, Daphne buscou aulas de espanhol assim que recebeu o convite para interpretar a jovem secretária. No enredo, Lupita apresenta um portunhol carregado ao longo de suas sequências. “Minha professora é maravilhosa. Ela é uruguaia, mas mora no Brasil há anos. Quando iniciou a preparação da novela fui entendendo como trazer o portunhol dentro dessa personagem, que é tão passional, sem perder a verdade dela”, ressalta.

Daphne iniciou sua trajetória no audiovisual ao protagonizar a série “Que Monstro te Mordeu?”, da TV Cultura. Ela, porém, ganhou projeção nacional ao integrar o elenco de “Malhação: Viva a Diferença”, que foi ao ar 2017. A novela infantojuvenil ainda rendeu três temporadas do spin-off “As Five”, disponível no Globoplay.

Enquanto descobre os caminhos da romântica Lupita, Daphne Bozaski se despediu da sensível Benê, que surgiu em “Malhação: Viva a Diferença”. Recentemente, a atriz viveu a personagem pela última vez na terceira e última temporada de “As Five”, disponível no Globoplay.

Tanto na trama de “As Five” como em “Família é Tudo”, Daphne conta com a parceria de Ana Hikari, que interpreta a vilã Mila na atual novela das sete e fez a moderna Tina na série original Globoplay.

Legenda

—————-

Daphne começou sua formação no ballet clássico, para logo continuar com a dança contemporânea

Publicidade