04 de agosto de 2020 Atualizado 08:25

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Editorial

Por mais água

Por Redação

02 jul 2020 às 08:22

Americana tem um histórico de convivência com a falta d’água. Nos últimos anos, o noticiário, inclusive, trouxe vários episódios que mostravam a fragilidade do abastecimento no município, cuja demanda é alta para dar conta do consumo de mais de 237 mil habitantes, além de empresas e indústrias.

Com uma rede de tubos obsoletos, algumas situações envolvendo o abastecimento de água chegam a ser pitorescas e marcam a inferioridade do sistema em Americana. Os rompimentos sucessivos da subadutora da Avenida Campos Sales representam um desses exemplos. Já se perdeu a conta dos problemas no local apenas este ano.

Investir no abastecimento, entretanto, não é tarefa fácil para nenhuma administração pública. As intervenções mais importantes e significativas para um município, como a construção de estações de captação e de tratamento de água, são custosas. A troca de redes de tubulação também, com o adicional que, ao rasgar uma rua, a chance de causar transtorno ao morador com o durante e o depois da obra é sempre alta.

Caminhando para os últimos meses de governo, a gestão de Omar Najar (MDB) faz dos investimentos neste setor uma de suas prioridades e deverá encerrar sua passagem pelo comando do município com saldo positivo. Nesta terça-feira, o prefeito, ao lado da direção do DAE, anunciou a entrega do barramento das águas do Rio Piracicaba, uma obra que vai ajudar Americana a ter água no período de estiagem, quando o nível do rio baixa e a captação se torna mais difícil.

Há tempos Americana careceu de investimentos no abastecimento, talvez deixado de lado para priorizar situações mais urgentes, como a saúde, ou até mesmo políticas. Que hoje há um trabalho maior neste setor, não há dúvida. Os resultados deste trabalho, entretanto, somente a população e os próximos anos dirão.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.