01 de março de 2024 Atualizado 23:11

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Carreira & RH

Mindfulness pode mudar sua relação com a produtividade

Prática de meditação ativa está mudando a relação de saúde mental, estresse e demasiada pressão nos profissionais

Por Marcos Tonin

26 de novembro de 2023, às 10h37

O nome é esse mesmo, mindfulness. Pode parecer um pouco difícil de falar, mas essa prática de meditação ativa está mudando a relação de saúde mental, estresse e demasiada pressão nos profissionais atualmente.

Uma pesquisa da International Stress Management Association (Isma-BR) calcula que 32% dos trabalhadores no Brasil padecem de esgotamento emocional, o famoso Burnout. Neste caso, seriam mais de 33 milhões de cidadãos, realmente um absurdo.

Em um ranking de oito países, nós os brasileiros ganhamos dos chineses e americanos e só ficamos atrás dos japoneses, com 70% da população atingida.

É neste cenário de pessoas doentes mentalmente que precisamos incorporar práticas de meditação, relaxamento, exercícios físicos e mentais para aliviar os sintomas do esgotamento que atualmente estão sendo sanados com antidepressivos e medicamentos de controle emocional.

Sim, é isso mesmo, por mais incrível que isso possa ser, desligar sua mente por alguns minutos durante o dia e realizar a prática da meditação pode te ajudar, sobretudo para realizar funções do seu trabalho, ganhar produtividade, criatividade e, claro, bem estar.

Mas afinal de contas, o que é esse tal de mindfulness? De fato é uma prática de meditação desenvolvida pelo médico e cientista Jon Kabat-Zinn. Este médico introduziu técnicas de meditação no seu trabalho com os pacientes que se encontravam em estado de demasiado estresse ou dores crônicas.

Em pouco tempo de aplicação as técnicas surtiram efeitos positivos, o que motivou mais em estudos sobre a prática, que tem como objetivo motivar um estado psicológico mais tranquilo e focado no presente, no agora. Desse modo, a partir da prática do mindfulness, desenvolvemos melhor percepção das sensações corporais, dos nossos pensamentos e emoções diante das variadas situações, evitando a reação de maneira automática e visceral.

Os ganhos? Bem, essa percepção mais ampla das ações promete aos indivíduos que eles possam tomar decisões sistêmicas e conscientes, sempre voltadas à forma positiva de lidar com nossos desafios do dia a dia.

3M, Facebook, VIVO, Intel e Google são exemplos de empresas que estão aplicando a prática, assim como uma ginástica laboral, em alguns momentos do dia e os efeitos na prática são:

Redução consistente nos quadros de ansiedade e estresse; maior concentração na execução das tarefas; aumento da criatividade; mente mais calma; emoções positivas mais evidentes; melhoria do desempenho cerebral; aperfeiçoamento contínuo no bem-estar e na qualidade de vida.

Caso você tenha interesse no tema e queira se aprofundar na prática, você pode beber a água na fonte com o livro: “Wherever You Go, There You Are: Mindfulness Meditation in Everyday Life”, do próprio Jon Kabat-Zinn.

Claro que há outros autores renomados como Mark Williams, Phd e professor na Universidade de Oxford, e Tiago Tatton, brasileiro Phd e pioneiro no país.

Está na dúvida e quer ter esta experiência imediatamente? As lojas virtuais têm aplicativos como: Insight Timer, Aura, Stop, Breathe & Think, Omvana e o Calm. Bora meditar pessoal. 

Marcos Tonin
Executivo de RH
e Coach C-Level
tonin.marcos@gmail.com

Marcos Tonin

Marcos Tonin, especialista na área de gestão e liderança, fala sobre mercado de trabalho em textos quinzenais