21 de janeiro de 2022 Atualizado 22:50

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Artigos de leitores

Mais uma variante que nos preocupa

Por José Odécio de Camargo Júnior

03 dez 2021 às 07:19 • Última atualização 03 dez 2021 às 07:20

Já estávamos comemorando o fim da pandemia da Covid-19, quando a OMS (Organização Mundial de Saúde) anunciou uma nova variante do vírus que já matou mais de cinco milhões de pessoas em todo o mundo.

Agora ele vem com o nome Ômicron e segundo a OMS representa um risco muito elevado para o planeta. A nomenclatura vem do alfabeto grego e corresponde a letra O. Por essa definição apenas, acredita-se que a versão atualizada do vírus seja mais elevada do que as primeiras, no entanto, ainda há incertezas sobre o real perigo.

Enquanto os cientistas disparam nas pesquisas por novas informações, a notícia anda mais rápido informando que a infecção já alcança os continentes. Sem saber ao certo qual é o nível de contágio e se a proteção das vacinas contra a Covid já existentes é suficiente, vemos por outro lado a disseminação do medo na população.

Não é para menos, afinal somente no Brasil perdemos mais de 600 mil pessoas em 24 meses. Ninguém quer correr o risco novamente. Portanto, além de reforçar a importância da imunização, é preciso estar consciente sobre o risco.

Estávamos prestes a flexibilizar o uso de máscaras ao ar livre. Há planos para o Reveillon bem como o Carnaval, mas isso é assunto para outra hora. Afinal aprendemos com essa pandemia que tudo pode mudar da noite para o dia, de uma hora para outra. Antes mesmo de tudo isso acontecer sempre soubemos que a vida é assim: um sopro.

Portanto, no lugar do pânico, tenhamos nossos olhos voltados para o que realmente importa hoje e como se comportar diante desta situação. A única certeza que temos sobre a vida, é que um dia ela terá fim. Pelo menos por aqui.

Com vírus ou sem ele, todos nós nos despediremos um dia e o que ficará serão as boas memórias que criamos em vida, e o legado que deixaremos por gerações.

Faça hoje o que precisa ser feito, com segurança e acima de tudo respeito para com o próximo. E que Deus nos proteja do que há de vir.

José Odécio de Camargo Júnior é advogado

Colaboração

Artigos de opinião enviados pelos leitores do LIBERAL. Para colaborar, envie os textos para o e-mail opiniao@liberal.com.br.