01 de outubro de 2020 Atualizado 12:24

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Editorial

Esforço pela vacina

Por Redação

07 ago 2020 às 08:05

O anúncio de que o HC da Unicamp iniciou esta semana os testes clínicos da vacina contra o novo coronavírus (Covid-19) é uma mensagem clara da urgência mundial em encontrar uma forma de proteger a população para que a vida volte ao “novo normal” o mais rápido possível.

O imunizante, como mostrado pelo LIBERAL em matéria desta quinta-feira, é desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac Biotech, em parceria com o Instituto Butantan, da capital paulista.

Além do hospital campineiro, outros quatro centros de pesquisa foram adicionados ao programa de vacinação: a UnB (Universidade de Brasília), HC da Universidade Federal do Paraná, em Curitiba, a Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, e o Hospital São Lucas, da PUC (Pontifícia Universidade Católica) do Rio Grande do Sul.

A testagem terá nove mil voluntários, todos profissionais de saúde, e deve ser concluída no fim de outubro ou início de novembro.

Essa corrida por uma resposta viável não tem precedentes na história recente e irá, sem dúvida, estabelecer novo patamar de eficiência em crises futuras. Os imunizantes, na maioria dos casos, demoram anos para ficarem prontos para testes em humanos. No caso da vacina contra Covid-19, os esforços diminuíram esse tempo para meses.

O produto da Sinovac Biotech, chamado de CoronaVac, é um dos diversos em reta final de testes. Em outra frente, o governo federal já anunciou acordo de parceria com o laboratório AstraZeneca para receber tecnologia e a vacina em desenvolvimento pela Universidade de Oxford.

A expectativa é que entre o final deste ano e o início de 2021 um imunizante seguro esteja à disposição da população. A esperança agora recai para que o maior número de pessoas, independente da classe social, consiga ter acesso ao resultado desses trabalhos.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.