25 de setembro de 2020 Atualizado 22:01

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Editorial

Dia da Democracia

Por Redação

15 set 2020 às 07:22

Ainda que não seja um poder constituído, como o Executivo, o Judiciário ou o Legislativo, o Jornalismo tem em sua missão e ofício funções que se assemelham ao que se vê nos governos e câmaras parlamentares, bem como o público-alvo a quem serve: o cidadão. No papel dos jornalistas, está, por exemplo, fiscalizar os atos dos três poderes, dar transparência às medidas governamentais, mostrar contradições e irregularidades em gestões, dentre outros.

O Jornalismo também é voz para setores diversos da sociedade. Nas páginas de um jornal, é preciso que haja pluralismo de falas, seja a da dona de casa que reclama da falta d’água ou a do presidente de uma multinacional que anuncia investimentos. Esta diversidade de opiniões contribui para o importante espaço de debate de ideias, problemas e soluções em prol do bem comum de uma sociedade que é um jornal, ou o próprio Jornalismo em si.

Para que isso ocorra, há, portanto, garantias legais. A Constituição Federal dá uma proteção extra ao trabalho jornalístico. Ela garante a liberdade de expressão de todos, mas reforça a singularidade da imprensa como instrumento social profissional, de levar informação de interesse público. Numa sociedade democrática, como a que vivemos no Brasil e como se vê em outras nações mundo afora, é fundamental que as leis resguardam a atividade jornalística sem censuras. Porque, na verdade, esta proteção é mútua.

A democracia, que tem seu dia comemorado nesta terça-feira, 15 de setembro, depende do Jornalismo em sua missão. E o Jornalismo depende de um ambiente democrático para conseguir dar voz a quem tenha o que falar, seja para o bem ou para o mal de quem lidera os poderes que a democracia constitui. Ao prezarmos por ela, jornalistas e toda a sociedade, é preciso nos mantermos vigilantes. A todo momento.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.