24 de fevereiro de 2024 Atualizado 17:52

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cotidiano & Existência

Até quando?

Por Gisela Breno

07 de junho de 2023, às 14h47

Ando profundamente abalada e triste com abomináveis comportamentos, que muitas pessoas têm escancarado.

Imaginei, ingenuamente, que os sobreviventes da pandemia, no cadinho dos sofrimentos, se tornassem mais humanos.

Infelizmente, creio que as pessoas preconceituosas, racistas, egocêntricas, fazendo o movimento contrário, deixaram sua face verdadeiramente exposta. Temos visto um festival de horrores, que parece não ter fim.

Ontem um homem de 79 anos morreu enquanto estava na fila de uma lotérica, em São José dos Campos, no interior de São Paulo. O estabelecimento continuou funcionando mesmo com o cadáver no chão e, as pessoas que ali estavam, permaneceram em seus lugares, alheias a esse triste acontecimento.

Meu Deus, a que ponto chegamos !

Até quando a falta de solidariedade, de empatia, de amor ao próximo, ocuparão esse nefasto lugar na vida desse tipo de pessoa?

Gisela Breno

Professora, Gisela Breno é graduada em Biologia na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e fez mestrado em Educação no Unisal (Centro Universitário Salesiano de São Paulo). A professora lecionou por pelo menos 30 anos.