26 de Maio de 2020 Atualizado 20:19

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Política

Maia diz que respeita decisão do STF sobre nomeação de Ramagem

Por Agência Estado

29 abr 2020 às 15:04 • Última atualização 29 abr 2020 às 21:30

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que respeita a decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, que barrou a indicação do Palácio do Planalto de Alexandre Ramagem para a direção-geral da Polícia Federal.

“Decisão dos ministros do STF nós respeitamos. Não cabe a mim ficar discutindo, certamente ela está baseada em fatos”, disse.

Após a decisão do STF, o presidente Bolsonaro anulou a nomeação de Ramagem e tornou sem efeito a exoneração dele da Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

A decisão do STF foi em resposta a ação apresentada pelo PDT, que acusava o Planalto de abuso de desvio de finalidade. A posse estava marcada para às 15h desta quarta, 29. A Advocacia-Geral da União disse que está “avaliando procedimentos cabíveis” para contornar a liminar.

De acordo com Moraes, as declarações do ex-ministro da Justiça Sérgio Moro sobre tentativa de interferências na autonomia da corporação, a divulgação de mensagens trocadas com o ex-ministro e a abertura do inquérito no próprio Supremo para investigar as acusações motivam a necessidade de impedir a posse de Ramagem.