Maia diz que acesso à Câmara deve ser limitado contra novo coronavírus


O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), afirmou nesta quarta-feira, 11, que o acesso aos plenários e espaços usados por deputados deve ser limitado, para evitar infecção pelo novo coronavírus.

O limite do acesso à Câmara será discutido em reunião da Mesa Diretora nesta tarde, disse Maia. “Aqui estão muitas pessoas de regiões diferentes do país. Importante que a Câmara possa restringir o acesso, número de audiências, restringir acesso a plenários para poucos assessores, quase exclusivamente aos parlamentares”, declarou Maia.

O deputado declarou que a Câmara está à disposição para tratar de liberação de recursos ao Ministério da Saúde para enfrentar a doença. O ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM) disse que “todos sabem que teremos impacto (orçamentário) grande”. Mandetta participa de reunião sobre o combate à doença em comissão da Câmara.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora