26 de maio de 2024 Atualizado 17:46

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Mundo

Polônia indica que poderia abrigar armas nucleares de outros membros da Otan para conter Rússia

Por Agência Estado

22 de abril de 2024, às 23h35

O presidente da Polônia, Andrzej Duda, afirmou hoje que o país estaria pronto para abrigar armas nucleares dos outros membros da Otan, em resposta à transferência de armamentos nucleares da Rússia para Belarus.

O presidente fez os comentários em entrevista publicada segunda-feira no tablóide Fakt.

A Rússia “recentemente transferiu as suas armas nucleares para Belarus”, disse Duda, numa referência ao anúncio do presidente de Belarus, Alexander Lukashenko, em dezembro.

“Se houver uma decisão dos nossos aliados de implantar armas nucleares dentro da partilha nuclear também no nosso território, a fim de fortalecer a segurança do flanco oriental da Otan, estamos prontos”, afirmou.

Ele disse que a Polônia está ciente das suas obrigações dentro da aliança de 32 membros que inclui os Estados Unidos.

O primeiro-ministro Donald Tusk, que partilha a opinião de Duda sobre a segurança nacional, disse mais tarde aos jornalistas que a segurança e o potencial militar da Polônia são as suas prioridades, mas que precisa discutir urgentemente esta sugestão com Duda.

“Gostaria também que quaisquer iniciativas potenciais fossem, em primeiro lugar, muito bem preparadas pelas pessoas responsáveis por elas e gostaria que todos nós estivéssemos absolutamente certos de que o queremos”, disse Tusk.

“Essa ideia é absolutamente massiva, eu diria, e muito séria e eu precisaria saber todas as circunstâncias que levaram o presidente a fazer esta declaração”, disse ele.

Publicidade