Taxas de juros disparam até 123 pontos, batem limite de alta e negócios travam


A extrema aversão a risco global fez os juros futuros dispararem até 123 pontos na abertura desta quinta-feira, dia 12, atingindo os limites de alta entre os vencimentos para janeiro de 2021 a janeiro 2025, travando os negócios. Mais cedo, apenas o DI para janeiro 2021 subia menos que o limite de alta.

Às 9h19, a taxa de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2021 estava em 4,99%, na mínima, de 4,21% no ajuste de quarta-feira. O DI para janeiro de 2022 disparava para 6,13%, no limite de alta, de 5,03%. O DI para janeiro de 2023 avançava para 7,10%, no limite de alta, de 5,92%. O DI para janeiro de 2025 subia para 8,12%, no limite de alta, de 6,89% no ajuste anterior.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora