Produção industrial chinesa sofre queda anual de 13,5% no 1º bimestre


A produção industrial da China recuou 13,5% no primeiro bimestre de 2020, ante igual período de 2019, informou há pouco o Escritório Nacional de Estatísticas (NBS, na sigla em inglês). O resultado é pior do que os 3% de queda esperados por analistas ouvidos pelo Wall Street Journal.

As vendas no varejo cederam 20,5%, quando era esperado uma baixa de 5%. Os investimentos em ativos fixos mergulharam 24,5%, ante projeção de queda de 1%. E o desemprego urbano subiu de 5,2% em dezembro para 5,7% no fim de fevereiro.

A piora dos indicadores de atividade ocorreu em meio à crise do coronavírus no país, que provocou medidas agressivas – como fechamento de cidades inteiras – para controle do surto. Fonte: Dow Jones Newswires.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora