18 de abril de 2021 Atualizado 21:31

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Investimentos

Melhores nichos de mercado em 2021

É necessário efetivar o procedimento de comprar empresa de uma forma profissional contando com profissionais especializados na área de fusões e aquisições

Por Dino Divulgador De Notícias

03 abr 2021 às 14:03

A pandemia alterou os hábitos de consumo, sendo que alguns deles farão parte do ‘novo normal’, como o setor de delivery de alimentação - Foto: Food photo created by stockking - www.freepik.com

Quem avalia investir em uma empresa em 2021, é muito importante que selecione e conheça bem o segmento no qual almeja investir, escolha cuidadosamente a empresa ‘target’, e ainda cuide de alguns procedimentos-chave, principalmente após um ano tão adverso quanto 2020.

A pandemia do Covid-19 mudou os hábitos de consumo e transformou alguns nichos, tornando-os fundamentais para a sociedade, os quais podem ter necessidade de capital para crescer.

Primeiramente, é importante entender qual a motivação para adquirir uma empresa em 2021. Se a motivação para adquirir uma empresa for crescimento, o foco deveria ser nos segmentos mais favorecidos pela pandemia de Covid-19. Ou seja, em empresas que precisam de capital para crescer.

Segundo a CAPITAL INVEST M&A Advisors, assessores financeiros especializados em fusões e aquisições, existem alguns setores, entre os mais ativos em número de transações de M&A, que ainda foram beneficiados pela crise de Covid-19, sendo, portanto, mais oportunos para comprar uma empresa em 2021.

NICHOS DE MERCADO
Existem 5 que se destacam pelo número de transações, sendo, portanto, excelentes ideias para adquirir uma empresa em 2021

Empresas de Internet
As empresas de Internet são as que operam em um ramo exclusivamente virtual, como, por exemplo: mídias sociais, marketplaces e e-commerces, prestadoras de serviços online, etc. Com a pandemia de Covid-19, o investimento nesse nicho que já era um excelente negócio, passou a ser ainda melhor, considerando o acréscimo da demanda pelos serviços virtuais, causada pelo distanciamento social

Tecnologia da informação
Na mesma linha, com a transformação digital que muitas sociedades estão experimentando atualmente, pode ser um ótimo momento para comprar uma empresa de TI. Desde empresas de software, hardware, SaaS (Software As A Service), apps, outsourcing de IT, etc. As oportunidades de crescimento são enormes, assim como o interesse na compra de empresas desse segmento.

Alimentação
O setor de alimentação também pode ser um bom negócio neste momento. Os hábitos de consumo mudaram e formarão parte do ‘novo normal’ pós-pandemia. O consumo de comida em casa aumentou muito, com pessoas saindo menos para ir a restaurantes. Esta mudança favoreceu as empresas de ‘delivery’ assim como o varejo alimentar. Outro fator é a tendência a consumir alimentos saudáveis. Exemplo: frutas e verduras orgânicas, assim como comidas com baixo teor de carboidratos processados

Segmento imobiliário residencial
Com o confinamento da população, as pessoas procuram reformar suas residências, mais ainda considerando o aumento do home office, que algumas empresas poderão tornar permanente no ‘novo normal’ pós-pandemia. Ainda com os juros reais em mínimos históricos, e com uma maior facilidade para obter financiamentos, o segmento está no melhor momento da última década.

Instituições financeiras
O segmento financeiro brasileiro está sendo revolucionado pelas fintechs, ou startups que oferecem serviços financeiros. A união entre tecnologia e finanças está melhorando a competitividade do setor e seus preços. Algumas destas empresas são criadas com o objetivo de ser adquiridas por bancos e grandes instituições financeiras. Isso pode gerar muitas oportunidades para quem quer adquirir empresas nesse ramo, unindo a tecnologia às finanças e se preparando para as oportunidades que vão surgir.

Fonte: CAPITAL INVEST – M&A Advisors | Assessoria especializada em fusões e aquisições

Publicidade