24 de setembro de 2020 Atualizado 23:14

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Economia

‘Estamos em um caminho virtuoso’, diz Guedes, sobre retomada

Por Agência Estado

09 dez 2019 às 18:02 • Última atualização 09 dez 2019 às 18:10

O ministro da Economia, Paulo Guedes, destacou nesta segunda-feira, 9, que a economia brasileira está em retomada. “Os sinais de recuperação da economia são visíveis. Ano que vem vai ser o dobro do crescimento deste ano”, afirmou. “Estamos em um caminho virtuoso, cada semestre que passa isso fica mais claro. Quem está contra isso que espere mais três anos e vote contra”, completou.

Segundo o ministro, com descentralização de recursos, a vigilância também será descentralizada. “Vamos sufocar a corrupção sistêmica exatamente porque estamos fazendo uma transformação do Estado”, acrescentou. “Cada um que vigie o seu, cada um que corra atrás do seu recurso”, afirmou.

Ele voltou a defender a desburocratização como uma forma de fomentar os investimentos privados. “O Brasil é país rico em recursos naturais, mas se recusa a aceitar investimentos. O servidor da Receita Federal precisa ser respeitado, mas não deve ser temido. O empresário é um animal arisco, ele vai embora”, acrescentou.

Guedes repetiu que o Brasil tem democracia vibrante, com todos os extremos estão absorvidos nessa democracia. “Agora, a China está saindo da miséria sendo selvagemente capitalista, assim como a Rússia e o Leste Europeu. Precisamos modernizar nossa cabeça e entender que o caminho escolhido não era o melhor”, completou.

Reforma administrativa

O ministro da Economia admitiu que a reforma administrativa não foi enviada ainda pelo governo do Congresso por um “problema de timing”. “Não adianta botar muita reforma ao mesmo tempo. Já aprovamos a Previdência, e enviamos agora o novo Pacto Federativo”, afirmou.

Publicidade