19 de junho de 2024 Atualizado 08:28

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Economia

Controle financeiro pessoal: o que é e como fazer

Gerir as finanças parece uma tarefa fácil, mas exige disciplina e organização

Por Ana Carolina Leal

20 de maio de 2024, às 08h57

O controle financeiro pessoal ajuda a evitar gastos excessivos - Foto: Adobe Stock

Controlar as finanças pessoais é uma habilidade essencial para todos, ajudando não apenas a manter as contas em dia, mas também a planejar o futuro financeiro.

Professor doutor de Economia do Mackenzie, Hugo Garbe define controle financeiro pessoal como “um processo de monitorar, analisar e ajustar despesas e receitas para manter uma saúde financeira estável e alcançar objetivos específicos, evitando dívidas”.

Esse controle abrange desde salários e rendimentos de investimentos até despesas regulares como moradia, alimentação e transporte. Inclui também a criação de um orçamento, o planejamento de poupança e investimentos, além do gerenciamento de dívidas e empréstimos.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

“O controle financeiro pessoal é fundamental porque ajuda a evitar gastos excessivos, garantir segurança financeira, alcançar metas financeiras, como comprar uma casa, poupar para a aposentadoria ou financiar educação, e preparar-se para emergências”, destaca Garbe.

Para iniciar esse controle, o economista sugere a utilização de planilhas ou softwares especializados. “O processo envolve registrar todas as receitas e despesas, analisar para onde o dinheiro está indo e ajustar conforme necessário”, explica. Ele enfatiza a importância de incluir até as menores despesas, como um almoço ou um café, que, embora pequenas, podem somar-se rapidamente e comprometer o orçamento.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região!

A planilha ideal deve conter colunas para data, categoria (como alimentação), descrição (por exemplo, almoço com amigos) e valor.

Aplicativos – Além de planilhas, Garbe indica o uso de aplicativos gratuitos de finanças que podem ajudar nesse controle. Entre os mais recomendados estão: Mint (ajuda a organizar e monitorar gastos com uma interface fácil de usar); YNAB (excelente para criar orçamentos detalhados e acompanhamento de gastos); GuiaBolso (popular no Brasil, oferece integração com contas bancárias e cartões de crédito); e Mobills (também popular no Brasil, oferece recursos de orçamento e acompanhamento de despesas).

Faça parte do Club Class, um clube de vantagens exclusivo para os assinantes. Confira nossos parceiros!

ORGANIZE SUAS CONTAS

Estabeleça um orçamento realista – Leve em consideração todas as despesas mensais, bem como qualquer intenção de economia ou pagamento de dívidas. Divida o orçamento em categorias, como moradia, alimentação, transporte, lazer e economias. E lembre-se de reservar uma parte da renda para emergências e imprevistos.  

Controle seus gastos – Para manter as finanças pessoais em dia, é essencial controlar os gastos e evitar gastos desnecessários. Revise regularmente as despesas e identifique áreas onde é possível cortar ou reduzir custos.

Priorize o pagamento de dívidas – Se tiver dívidas, priorize o pagamento delas para evitar juros e taxas adicionais. Comece pagando as dívidas com as taxas de juros mais altas primeiro e, em seguida, concentre-se em pagar o restante. Considere consolidar dívidas ou negociar com credores para reduzir os pagamentos mensais, se possível.

Poupe regularmente – Reserve uma parte da renda para economias assim que receber o salário, antes de gastar com outras despesas. Automatizar as economias configurando transferências automáticas para uma conta de poupança pode ajudar a tornar esse processo mais fácil.

Esteja preparado para emergências – É importante estar preparado para emergências financeiras, como despesas médicas inesperadas, reparos em casa ou desemprego. Mantenha um fundo de emergência que cubra pelo menos três a seis meses de despesas básicas para ajudar a enfrentar desafios inesperados sem recorrer a dívidas adicionais.

As notícias do LIBERAL sobre Americana e região no seu e-mail, de segunda a sexta

* indica obrigatório

Publicidade