BoJ vai considerar impacto do iene na economia ao revisar política, diz Kuroda


O presidente do Banco do Japão (BoJ, pela sigla em inglês), Haruhiko Kuroda, demonstrou cautela em relação aos possíveis efeitos da recente valorização do iene na economia japonesa.

“O (BoJ) vai tomar ações apropriadas, se necessário, e ao mesmo, considerar de forma abrangente o impacto de movimentos cambiais nos mercados financeiros, economia real e preços”, disse Kuroda no Parlamento japonês nesta terça-feira.

Os recentes aumentos no valor do iene refletiram a demanda de investidores por uma moeda considerada mais segura em meio a crescentes temores relacionados à epidemia de coronavírus, comentou Kuroda. Fonte: Dow Jones Newswires.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora