CPFL dá dicas contra fraude no pagamento da conta de luz

Empresa pede que consumidores entrem em contato por telefone caso seja observada alguma irregularidade na emissão do boleto


A CPFL Paulista emitiu comunicado aos consumidores com orientações para evitar fraude no pagamento da conta de energia elétrica.

No documento, a empresa cita que não está entrando em contato com seus clientes para solicitar a substituição de boletos e que, em caso de suspeita de recebimento de um boleto falso, o cliente deve contatar a companhia para confirmar a veracidade das informações antes de efetuar o pagamento.

Foto: Arquivo / O Liberal
CPFL orienta sobre cuidados para evitar fraudes em contas de luz

Dicas da CPFL para combater fraudes no pagamento da conta de energia elétrica:

1. Os boletos gerados mensalmente são padronizados. Compare-os. Dificilmente o banco e os códigos se alteram de um mês para o outro

2. A CPFL Paulista trabalha com três bancos conveniados: Itaú, Bradesco ou Banco do Brasil.

3. Se ao receber um novo boleto você identificar erros ortográficos, manchas ou borrões na impressão, formatação fora do padrão ou qualquer outra característica que pareça estranha, desconfie.

4. As contas sempre vêm em nome da sua distribuidora (exemplo: CPFL Paulista, CPFL Piratininga, etc.), nunca em nome da CPFL energia

5. Se você receber ligações ou mensagens de e-mail informando sobre a necessidade de substituição de boletos de cobrança já recebidos, desconfie. A empresa e o banco já têm seus dados, por isso, nunca passe informações pessoais por telefone ou e-mail.

6. Todos os endereços de e-mail da CPFL terminam sempre com @cpfl.com.br, nunca com outro domínio

7. Na dúvida, não efetue o pagamento sem antes entrar em contato com o emissor do boleto para receber orientações. Atente-se ao contato telefone da CPFL. O número correto é 0800 770 4140.

8. Caso suspeite do recebimento do pagamento de um boleto falso, acione o gerente de relacionamento do seu banco e solicite a abertura de um processo para ressarcimento do valor pago.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora