30 de maio de 2020 Atualizado 21:21

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

TV

TV Cultura traz de volta ‘A Feiticeira’, clássica série dos anos 1960

Seriado começa a ser exibido nesta quarta-feira

Por Agência Estado

30 mar 2020 às 10:38 • Última atualização 30 mar 2020 às 12:07

Entre as novidades que chegam à TV Cultura está a clássica série A Feiticeira, que começa a ser apresentada nesta quarta-feira, às 19h45. A produção americana teve ao todo oito temporadas, que foram exibidas entre 1964 e 1972, chegando aqui em 1965 e passando por várias emissoras de televisão.

Foto: Divulgação
A Feiticeira teve ao todo oito temporadas

Para o povo dessa época, que acompanhou o seriado, será um momento de matar saudade; para os que nem ouviram falar dela, será o momento de apreciar uma divertida história. Nela, acompanhamos o dia a dia do casal Samantha (Elizabeth Montgomery) e James Stephens (Dick York e depois Dick Sargent). Ela é uma feiticeira, pessoa do bem com certeza, ele, um jovem publicitário que não gosta nada dos poderes de sua mulher. Apesar dos pedidos do marido, Samantha sempre acaba usando seus poderes, o que acontece quando ela toca seu nariz com o dedo.

Claro que a vida dos dois é sempre abalada por alguma situação que precise ser controlada por meio de um feitiço. Geralmente quem dá uma forcinha para as coisas se complicarem é Endora (Agnes Moorehead), a mãe de Samantha, que não gosta nenhum pouco de a filha ter se casado com um mero mortal.

São várias as cenas engraçadas, como também os personagens mais esquisitos que surgem, como a curiosa vizinha Gladys Kravitz (Sandra Gould). A senhorinha está sempre de olho na casa da feiticeira, tem certeza que há algo estranho ali, mas nunca consegue provar para os outros o que diz ter visto – nem mesmo seu marido acredita nela.

Uma deliciosa série, que também pode ser vista na Rede Brasil, canal fechado. E, na TV Cultura, será sempre a atração das quartas-feiras. Um seriado para divertir o público que está e deve continuar em isolamento social.