07 de agosto de 2020 Atualizado 11:20

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Atriz

Ju Colombo: em todas as frentes

Atriz á expediente como a diretora escolar Elomar de “Bom Sucesso”, mas se prepara para lançar duas séries

Por TV Press

05 jan 2020 às 08:39

Anda bem concorrida a agenda de Ju Colombo, a dedicada Elomar de “Bom Sucesso”. A intérprete da diretora do Colégio Estadual Dias Gomes, da história de Rosane Svartman e Paulo Halm, se prepara para lançar duas séries de tevê, além de uma participação em “Hebe”, minissérie disponibilizada pelo Globoplay.

Para a mesma plataforma de streaming, ela grava “As Five”, spin-off de “Malhação: Viva a Diferença”, prevista para ir ao ar no ano que vem. Também em 2020 será exibida “Todxs Nós”, série da HBO que aborda assuntos ligados à diversidade sexual.

Foto: Divulgação
Ju Colombo

“Na HBO, faço uma mãe acolhedora e submissa ao marido. É a sina das mulheres que se conformam em serem donas de casa e cumprir esse papel. Em ‘As Five’, as protagonistas cresceram, seguiram com suas vidas e é bacana ver que todo o esforço da Das Dores, minha personagem, para ajudar a filha e criar os netos”, adianta.

Em “Bom Sucesso”, Elomar proporciona a Ju Colombo tanto cenas de drama, em função das dificuldades que a Educação enfrenta no Brasil, quanto de comédia. Afinal, sua personagem já chegou até a desfilar para o lançamento da coleção da mocinha Paloma, papel de Grazi Massafera.

A satisfação da atriz por fazer parte do folhetim é indisfarçável. “Veja: uma atriz negra em um papel de liderança em um núcleo, atuando em uma novela onde os autores distribuem o protagonismo pelos núcleos”, valoriza.

Para interpretar uma educadora, Ju confessa que buscou inspiração em sua própria realidade. “Coordeno uma equipe, realizamos capacitação para educadores de arte da rede pública de ensino, por todo o Brasil. Isso me deu subsídio para emprestar para Elomar algumas características minhas, num universo que é feminino e formado por mulheres que não desistem de sua missão”, conta, orgulhosa.

Raio X de Ju Colombo

  • Nome completo: Jucimara Colombo Ferreira.
  • Nascimento: 8 de maio de 1965, em São Paulo.
  • Atuação inesquecível: No espetáculo “Bixiga, Um Musical Na Contramão”.
  • Interpretação memorável: Joaquin Phoenix, no filme “Coringa”.
  • Momento marcante na carreira: Agora.
  • O que falta na televisão: “Séries, novelas e programas de entrevistas com artistas negros em papéis protagonistas e com bons roteiristas”.
  • O que sobra na televisão: “A falta de criatividade”.
  • Com quem gostaria de contracenar: Denzel Washington, Will Smith e Viola Davis. “E ser dirigida por Robert De Niro”.
  • Se não fosse atriz, seria: Cantora.
  • Vilão marcante: Odete Roitman, vivida por Beatriz Segall em “Vale Tudo”, novela exibida pela Globo em 1988.
  • Personagem mais difícil de compor: “O que ainda irei fazer”.
  • Que papel gostaria de representar: Billie Holiday.
  • Filme: “Por Volta da Meia-Noite”, drama musical de 1986, dirigido por Bertrand Tavernier.
  • Autor: Daisaku Ikeda.
  • Vexame: “Caí do palco em um espetáculo no Sesc, em São Paulo”.
  • Mania: “A de ter esperança”.
  • Medo: “De não viver um amor pleno”.
  • Projeto: “Uma série infantojuvenil”.