Volta ao mundo em 80 dias

Definida como uma 'experiência de impacto social', o Airbnb informou que 100% da receita gerada será doada ao Malala Fund


Que tal dar uma volta ao mundo em 80 dias por uma boa causa? Inspirado pelo clássico de Júlio Verne, que também virou filme em Hollywood, o Airbnb (corretor online) anunciou a sua versão de volta ao mundo em 80 dias em um roteiro interessante e intenso! O ponto de partida da viagem é Londres. A jornada começa em 1º de setembro e vai até 19 de novembro.

E sabe da melhor? Quem embarcar nessa aventura ainda vai ajudar uma boa causa! Definida como uma ‘experiência de impacto social’, o Airbnb informou que 100% da receita gerada será doada ao Malala Fund, organização sem fins lucrativos fundada pela ganhadora do Nobel da Paz Malala Yousafzai, que atua de forma a oferecer educação gratuita, segura e de qualidade para meninas com idade a partir de 12 anos.

Conheça o roteiro dos sonhos dessa volta ao mundo em 80 dias

Londres – Inglaterra
A capital inglesa é o ponto de partida para essa aventura inesquecível. Não deixe de visitar os marcos icônicos de Londres e, se precisar, compre algum acessório de última hora para a viagem que vai durar quase três meses!

Foto: Divulgação
Londres

Buchareste – Romênia
É na Romênia que ocorre a primeira escala. Explore a zona histórica de Bucareste e a grande variedade de edifícios do século 19.

Transilvânia – Romênia
O roteiro da viagem inclui um passeio até a ‘residência’ do lendário personagem Drácula e uma trilha pelas montanhas dos Cárpatos.

Foto: Divulgação
Tashkent

Tashkent – Uzbequistão
O trajeto continua pela Ásia Central. Não perca a oportunidade de conhecer Tashkent antes de seguir pela antiga Rota da Seda para chegar a Bucara.

Samarcanda – Uzbequistão
Depois de mergulhar na fascinante história de Bucara, é o momento de visitar Samarcanda, Patrimônio Mundial da UNESCO. Há incríveis mesquitas, museus, mausoléus e mercados.

Foto: Divulgação
Cairo

Cairo – Egito
A terra dos faraós é um dos destinos mais surpreendentes do mundo e o Cairo é apenas o começo. Viaje milhares de anos no passado enquanto passeia pelas magníficas ruas de Luxor e descubra o Vale dos Reis. Em seguida, desfrute de um agradável passeio de barco pelo rio Nilo.

Amã – Jordânia
O curto caminho para a Jordânia é a porta de entrada para a mágica nação árabe e os respectivos tesouros históricos e culturais. Entre os destaques desta viagem fantástica está Petra, um dos destinos arqueológicos mais populares do mundo.

Foto: Divulgação
Etiópia

Adis Abeba – Etiópia
Mais a leste é possível encontrar este País africano, que é lembrado como o berço da humanidade. O que seria de uma viagem a este continente sem vivenciar a experiência de um safári? Contemple a fauna e a flora selvagens no PARQUE MASAI MARA.

Foto: Divulgação
Katmandu

Katmandu – Nepal
De Nairóbi para o Nepal e toda a influência cultural que este País do sul da Ásia tem para oferecer. Comece por explorar a capital, Katmandu, com os belos templos e as movimentadas feiras.

Mosteiro de Takshang – Butão
A experiência nos Himalaias continua neste País ainda pouco visitado. Aventure-se numa trilha na montanha, desfrutando de um chá pelo caminho, antes de chegar ao Mosteiro de Takshang, um dos principais destinos de peregrinação do Butão.

Foto: Divulgação
Bangkok

Bangkok – Tailândia
Não precisará de muito tempo para deixar-se envolver por uma das cidades mais vibrantes e caóticas do mundo. Não se esqueça de desfrutar da vida nas ruas e de degustar uma das gastronomias mais saborosas do planeta.

Guiyang – China
A próxima etapa dessa viagem o levará até Guiyang, no sudoeste da China. É aqui que terá a oportunidade de viajar para a zona rural e poderá conhecer os habitantes locais. Popular pelo artesanato, os aldeões de Guizhou são simpáticos e hospitaleiros e terão o maior prazer de falar sobre a cultura deles.

Foto: Divulgação
Sydney, na Austrália

Sydney – Austrália
Na Oceania, a Austrália é parada obrigatória. Depois de chegar à Sydney, a próxima escala é a cidade de Adelaide, antes de ir para o interior dessa nação gigante. É a partir de Wilpena Pound, ao norte de Adelaide (na Austrália do Sul, também chamada de Meridional), que começa uma caminhada de três dias por montanhas formadas há milhões de anos. Esteja atento aos famosos ‘residentes’ da região (cangurus e cobras).

Wellington – Nova Zelândia
É aqui que terá a oportunidade de mergulhar na cultura maori ao conhecer uma das comunidades mais isoladas e ricas do mundo! A paisagens são dignas de destaque! O pacote inclui uma viagem de helicóptero sobre aquilo que a Nova Zelândia tem de melhor: suas montanhas esculpidas no gelo, geleiras brilhantes e vales remotos.

Foto: Divulgação
Osaka

Osaka – Japão
A terra do sol nascente é o destino que se segue, mais precisamente a cidade de Osaka. Este vibrante destino japonês é o lugar ideal para começar a explorar esse País de cultura milenar! A Península Kii é o destino derradeiro, onde poderá percorrer o caminho de Kumano Kodo, uma série de rotas de peregrinação que passam por templos e santuários sagrados.

Moabe – Estados Unidos
A próxima etapa da viagem o levará ao Oceano Pacífico, mais precisamente aos EUA e aos desertos da região sudoeste americana. Eis uma parada em Salt Lake City, que será seguida por Moabe, cidade ideal para os turistas mais aventureiros. O rafting está presente. É no Parque Nacional de Canyonlands que ‘enfrentará’ alguns dos rios mais rápidos e tumultuosos do planeta. Prepare-se para 150 quilômetros de muita adrenalina pela correnteza.

Foto: Divulgação
Ilhas Galápagos

Ilhas Galápagos – Equador
O nosso incrível continente não poderia ficar de fora dessa aventura. Na América do Sul, a viagem começa pelas Ilhas Galápagos, refúgio de algumas das espécies de plantas e animais mais raras e protegidas do planeta. Desfrute deste contato com a natureza e da vida selvagem em um passeio de barco ou de caiaque.

Patagônia chilena – Chile
Contemplar a impressionante paisagem da Patagônia chilena é outra parada obrigatória. Você passará três dias entre os fiordes do Campo de Gelo do sul da Patagônia. Aproveite para saudar os curiosos pinguins, enquanto dá um passeio de caiaque pelo mar e atravessa brilhantes geleiras.

Foto: Divulgação
Reykjavik

Reykjavik – Islândia
A última etapa dessa viagem pelo mundo em 80 dias se traduz numa longa viagem até os Estados Unidos, antes voltar a cruzar o norte do Atlântico, com destino a Islândia. Depois de descansar na capital Reykjavik, é hora de descobrir Akureyri e o belo lago Mývatn, ‘decorado’ com belas rochas vulcânicas.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora