Surpreenda-se em Macaé, no norte do Rio de Janeiro

Considerada uma das melhores cidades do Brasil, confira os motivos para explorar essa região


Vídeo:

A surpreendente cidade de Macaé, localizada na região norte fluminense, tem turismo para todos os gostos e uma beleza sem igual. A antiga vila de pescadores, que está apenas a 180 quilômetros do Rio de Janeiro, é atraente não só por suas praias, mas também por ser considerada a Capital Nacional do Petróleo. A cidade oferece aos turistas dezenas de opções de lazer e entretenimento, com enormes áreas verdes, praias, lagoas, serra, cachoeiras e tranquilidade.

O litoral macaense atrai quem curte banho de mar, caminhadas ou a prática de esportes. Entre elas podemos destacar a Praia dos Cavaleiros, que reúne o melhor da gastronomia e é um dos lugares mais badalados; a Praia de Imbetiba, onde está situada a base do terminal da Petrobras e é frequentada pelos praticantes de caminhada e natação; e a Praia do Pecado, a preferida dos praticantes de surfe e bodyboard. Surpreenda-se também com as praias do Arquipélago de Sant’Anna.

As belas praias não são as únicas opções de atrações da cidade. A lagoa de Imboassica encanta com sua beleza e é um ótimo lugar para se admirar o pôr do sol. No local, é possível interagir diretamente com o meio ambiente. O turista poderá realizar boas caminhadas, passeios de bicicleta e pedalinho.

Foto: Rui Porto Filho / Divulgação
Macaé

REFRESCANTE SERRA

Formada pelos distritos de Cachoeiros de Macaé, Córrego do Ouro, Trapiche, Glicério, Frade e Sana, as serras macaenses oferecem opções para quem busca contato com a natureza, prática de ecoturismo e aventuras. Rios, quedas d”água, cachoeiras, e mirantes de tirar o fôlego, além de clima ameno e vegetação exuberante no meio da Mata Atlântica preservada.

Fonte: www verthoteis.com.br/hoteis

Rica história e cultura

Conheça a história e a cultura da cidade por meio dos patrimônios históricos e museus O Solar dos Melos possui estilo arquitetônico eclético e desde 1911 tem intensa movimentação cultural; o Solar Monte Elísio, também conhecido como Instituto Nossa Senhora da Glória, é chamado de Castelo porque serviu de hospedagem para D. Pedro II e hoje abriga uma escola e faculdade.

Foto: Rui Porto Filho / Divulgação
Macaé

Há também a Sociedade Musical Nova Aurora, fundada em 1873, que foi responsável por estimular o renascer da cultura musical em Macaé. Enquanto a Sociedade Musical Beneficente Lyra dos Conspiradores, participou do movimento abolicionista. Já o Antigo Prédio da Câmara Municipal de Macaé, acolheu D. Pedro II.

Várias atrações turísticas para completar a sua estada

Mirante, praças e igrejas completam o entretenimento e lazer em Macaé. O Forte Marechal Hermes, por exemplo, foi construído para impedir o contrabando de Pau-Brasil, e passou por reformas no início do séc. 20.

A Praça Veríssimo de Melo tem sido o “point” da aristocracia local desde 1886 e, atualmente abriga a Feira de Economia Popular Solidária, todas as quintas-feiras. A Igreja Matriz de São João Batista leva o nome da padroeira da cidade por escolha do príncipe Regente, enquanto a Igreja de Sant”Anna oferece uma vista deslumbrante da área urbana da cidade.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!