Hora do Horror do Hopi Hari bate recorde de público na estreia

Primeiro fim de semana atraiu mais de 19,6 mil pessoas ao parque temático de Vinhedo, que completa 20 anos em novembro


O primeiro fim de semana da Hora do Horror do Hopi Hari foi a melhor estreia desde a primeira edição da atração, em 2002. Entre quinta-feira (8) e domingo (11), mais de 19,6 mil pessoas passaram pelo complexo, contra 9,3 mil em 2018, o que representa um aumento de 112%.

Com investimento de R$ 2,8 milhões e cinco vezes maior do que no ano passado, a Hora do Horror é o maior evento do gênero da América Latina e ocorre todos os anos parque temático em Vinhedo. A edição de 2019 começou em 8 de agosto e vai até 3 de novembro, sempre de quinta a domingo, das 11 horas às 20h30.

Foto: Divulgação
“Apocalipse” conta a história de uma cidade devastada pelos sete pecados capitais

“Batemos recorde de público e nossas projeções indicam que a adesão será cada vez melhor”, disse o presidente do Hopi Hari, Alexandre Rodrigues.

Já o gerente de Conteúdo do Hopi Hari, Rogério Barbatti, reforçou que a adesão do público “é resultado de um trabalho feito com muito amor, dedicação e profissionalismo por todos nós, hópius e hópias (colaboradores, em Hopês) do País Mais Divertido do Mundo”.

Durante o dia, o parque funciona normalmente a partir das 11 horas, com mais de 40 atrações. Depois, às 18h30, o Hopi Hari se transforma em Urb, com todas as peças do espetáculo de horror ocorrendo simultaneamente até as 20h30.

Neste ano, o tema “Apocalipse” conta a história de uma cidade devastada pelos sete pecados capitais, em que os moradores se arrastam como zumbis em um cenário de fim dos tempos. A expectativa é que a edição de 2019 seja a maior da história do Hopi hari, que completa 20 anos em novembro.

“O palco ganhou uma cenografia cinematográfica, assim como a fachada do parque. Nosso Imigradero se transformou no portal de Urb, e nossas fronteiras convidam o visitante a uma experiência inédita de horror”, reforçou Rodrigues.

A trama

O anúncio do apocalipse é feito por quatro cavaleiros: a Fome, a Peste, a Morte e a Guerra, que vão abrir as portas para um anjo caído travestido de falso profeta, que desafiará Lúcifer. Depois de esconder o rosto do ser maligno nas edições anteriores, desta vez, tudo ficará exposto aos visitantes.

Ao todo, serão mais de 150 artistas maquiados que se encarregarão de andar pela área e de provocar adrenalina nas ruas do parque, túneis e áreas de susto, sinalizadas com uma luz vermelha.

A novidade é que, pela primeira vez, vai haver uma espécie de “desmanche” entre os túneis, com uma minicidade cenográfica com percursos de 5 minutos, que vai proporcionar experiências outdoor (fora do estabelecimento).

O show principal seguido da tradicional balada eletrônica acontece na Arena di Hopi Hari. O palco tem 22 metros de boca e 12 de altura, mais dois do chão, e reserva um dos maiores cenários já montados no local, em meio a som, luzes e efeitos especiais de arrepiar.

Serviço – Hora do Horror 2019:

Quando: de 8 de agosto a 3 de novembro

Onde: Hopi Hari – Rodovia dos Bandeirantes, km 72, Vinhedo – São Paulo

Preço: Passaporte unitário adulto a partir de R$ 129,90

Onde comprar: pelo site www.hopihari.com.br, pela Central de Vendas (11) 4210-4000, ou pessoalmente na bilheteria do site

Gratuidade: Crianças com até 1 metro de altura e idosos acima de 65 anos

Estacionamento: R$ 40 carros e R$ 25 moto.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora