Destino no final do ano

Opções para quem ainda não decidiu onde viajar nas férias e períodos de festa


Interior, metrópole, praia, montanha… ainda não conseguiu decidir onde quer passar as festas de final de ano? Separamos algumas opções de destinos e hospedagens para celebrar o Natal, se despedir de 2019 e dar as boas-vindas para o Ano Novo. Confira:

Foto: Divulgação
Itu

Itu (SP)

Conhecida como Cidade do Exagero, Itu é muito mais do que essa caricatura. Repleta de história, é possível apreciar seu belo conjunto arquitetônico localizado no centro, fazendas de café dos séculos 18 e 19, na área rural; além de parques, museus, igrejas, belas praças e restaurantes tradicionais.

Foto: Divulgação
Angra dos Reis

Angra dos Reis (RJ)

Um dos lugares mais bonitos do Brasil, Angra dos Reis é uma ótima opção para quem prefere o litoral. A região, composta por mais de 360 ilhas, águas cristalinas e rica fauna marinha, está distante cerca de 150 km da capital do Rio de Janeiro. Com fácil acesso rodoviário e um caminho repleto de belas paisagens, o destino oferece uma variedade de restaurantes, passeios e história.

Foto: Divulgação
Cabo Frio

Cabo Frio (RJ)

Um dos municípios mais bem estruturados da Região dos Lagos, Cabo Frio possui praias de águas transparentes, areia fina e branca e atrai um público diversificado, de surfistas a famílias durante o verão; e também corporativo, principalmente na baixa temporada.

Está distante 160 km da capital fluminense e oferece uma gama de atrativos para os visitantes, como a Praça das Águas, localizada no calçadão da Praia do Forte, e que possui projeto paisagístico diferenciado em 1,6 m2 de área e um lago com 1,5 milhão de litros de água.

Foto: Divulgação
Itabirito

Itabirito (MG)

Localizada a 84 km de Belo Horizonte e 47 km da histórica Ouro Preto, o município de Itabirito oferece diversas atrações naturais, como lagos, cachoeiras e trilhas. O vilarejo de Acuruí foi fundado em 1702 pelos Bandeirantes e está no traçado da Estrada Real. Entre as atrações da região, destaque para o Museu Jeca Tatu, um ambiente multicultural que promove uma verdadeira viagem no tempo com suas quinquilharias de época.

Foto: Divulgação
Macaé

Macaé (RJ)

Distante 200 km da capital, Macaé é um destino surpreendente, especialmente para os que querem fugir da badalação. O município, conhecido como Capital Nacional do Petróleo, é mais voltado para os negócios, mas os turistas de lazer também encontram diversão, ótimos restaurantes e bares, além de belas paisagens, cachoeiras e, claro, praias belíssimas.

Foto: Divulgação
Belo Horizonte

Belo Horizonte (MG)

Para quem curte arte, parques, botecos e mercados, a capital mineira é uma ótima opção. Entre os passeios imperdíveis estão uma caminhada pela Praça da Liberdade, com seus jardins inspirados no francês Palácio de Versalhes; ou uma visita ao Mercado Central, com suas centenas de barracas cheias de cores, aromas e sabores.

Entre as outras (muitas) atrações está o Museu de Artes e Ofícios, com mais de mil peças dos séculos 18 ao 20 que mostram a história das diferentes profissionais; e o Parque Municipal, que conta com um belo lago e um orquidário.

Foto: Divulgação
Sacramento

Sacramento (MG)

Para quem gosta de ecoturismo e turismo de aventura, a cidade de Sacramento oferece uma série de atrativos. Distante 455 km de Belo Horizonte, em Minas Gerais, e localizada na microrregião de Araxá, no Triângulo Mineiro o local é porta para o parque Nacional da Serra da Canastra, repleto de cachoeiras, lagos, fauna e flora, onde também está a nascente do Rio São Francisco. Além das belezas naturais, a cidade apresenta forte arquitetura colonial e igrejas dos séculos 18 e 19, para quem se interessa por turismo religioso.

Foto: Divulgação
Betim

Betim (MG)

A cidade mineira de Betim vem ganhando destaque na área do turismo. Os visitantes poderão conferir diversas atrações, como a Casa da Cultura Josephina Bento, construída por volta de 1711 com a finalidade de servir de pousada para tropeiros, bandeirantes e sertanistas, hoje serve de palco para eventos culturais, como exposições, lançamentos de livros, apresentações musicais, entre outros.

Outro local de visitação é a Estação Ferroviária Capela Nova, que faz parte da Estrada de Ferro Oeste de Minas, que liga Belo Horizonte à Divinópolis. Tombada pelo Patrimônio Histórico-Cultural Municipal, é considerada um atrativo em potencial.

Foto: Divulgação
Convento de São Boaventura

Itaboraí (RJ)

Localizada na região metropolitana do Rio de Janeiro, a cidade de Itaboraí possui um rico patrimônio histórico e acervo arquitetônico em que se destaca um conjunto de ruínas do Convento de São Boaventura, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

Foto: Divulgação
Lagoa da Prata

Lagoa da Prata (MG)

A acolhedora cidade mineira de Lagoa da Prata, localizada a 200 km de Belo Horizonte, possui ótima infraestrutura turística. O destino é repleto de bares, casas noturnas, lanchonetes e rica diversidade natural, sendo que o principal atrativo é a Praia Municipal, construída às margens da famosa lagoa. Há ainda cachoeiras, grutas, cavernas, museus e igrejas a serem explorados pelos visitantes.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora