Conheça alguns dos castelos incríveis pelo mundo

Castelos sempre foram um símbolo de luxo e até hoje eles encantam e despertam a curiosidade de qualquer viajante


Os castelos sempre foram um símbolo de luxo. Na idade média, eles eram construídos tanto para moradia dos monarcas, como para servir de fortaleza militar. A verdade é que até hoje eles encantam e despertam a curiosidade de qualquer viajante. Por isso, a plataforma colaborativa Lugares Pelo Mundo listou algumas dessas construções incríveis que com certeza vão surpreender.

Foto: Divulgação
Castelo Neuschwanstein

Castelo Neuschwanstein – Alemanha

Talvez esse seja um dos mais conhecidos do mundo. Localizado na região da Baviera, na Alemanha, o castelo Neuschwanstein foi encomendado no século 19 pelo então rei da região Ludwig 2º. O palácio nunca foi finalizado e sua construção teve dois intuitos: o primeiro era ser refúgio e moradia do rei, e o segundo é homenagear o compositor Richard Wagner, amigo pessoal do rei.

Seu nome significa algo como “Novo Cisne de Pedra”, e faz referência à ópera “Lohengrim”, escrita por Wagner, que conta a história do cavaleiro homônimo, também conhecido como “Cavaleiro do Cisne”. Outra curiosidade sobre o castelo é que, devido a sua beleza, inspirou os desenhos Walt Disney nas suas primeiras animações.

Ludwig morou por pouco tempo em Neuschwanstein, e logo depois da sua morte, em 1886, o castelo foi aberto para visitação. Como a obra não foi terminada, poucos cômodos foram decorados, mas estes são incrivelmente luxuosos. Atualmente a visitação é permitida, para isso, basta comprar os tickets para participar dos tours guiados.

Foto: Divulgação
Castelo de Osaka

Castelo de Osaka – Japão

O castelo de Osaka é a principal atração turística da cidade japonesa de mesmo nome. Ele fica dentro do parque que carrega seu nome, e a estrutura principal do palácio tem cerca de um quilômetro quadrado.

A construção começou no ano de 1586, por Toyotomi Hideyoshi e foi finalizado no mesmo de sua morte, em 1598. Com o passar dos anos, resistiu a diversos ataques e batalhas, precisando ser reconstruído mais de uma vez. Mas nada disso tirou sua grandiosidade, já que recebeu diversas reformas e expansões durante todos esses séculos de existência.

Atualmente, o castelo funciona como um museu da história de Osaka. Seus oito andares são abertos para visitação, cada um dele com uma atração diferente, que contam um pouco mais sobre a história do castelo, do seu fundador e dos outros que governaram nele.

Do topo da torre principal, também é possível ter uma vista incrível do parque e da cidade, que fica ainda mais bonita na primavera, época que ocorre o florescer das sakuras (cerejeiras).

Foto: Divulgação
Biltmore Estate

Biltmore Estate – EUA

Essa construção não é bem um castelo em sua essência, já que nunca serviu como refúgio ou têm fortificação contra invasões militares. Mas o Biltmore Estate é chamado assim devido à toda sua magnitude, afinal, ele é a maior residência particular dos EUA, possuindo cerca de 250 cômodos.

Foi construído entre os anos de 1889 e 1895, pelo magnata George Washington Vanderbilt 2º, herdeiro de uma das mais ricas famílias americanas. Está localizado na cidade de Asheville, no estado da Carolina do Norte e, hoje em dia, ainda pertence a um herdeiro da família Vanderbilt, porém a residência foi transformada em um museu e é aberto à visitação.

Foto: Divulgação
Castelo de Bran

Castelo de Bran – Romênia

Ao contrário do castelo alemão citado no início, este não tem o brilho de um conto de fadas, mas sim a escuridão de um filme de terror. O castelo de Bran fica entre a Transilvânia e a Valáquia, na Romênia e, possivelmente, foi a inspiração para o castelo do vampiro Drácula na obra escrita por Bram Stocker.

O personagem foi baseado no Conde Vlad 3º, o empalador, que realmente reinou naquela região. Mas a verdade é que ele nunca habitou de fato este castelo, deixando a mística do lugar mais para aqueles que são fãs da ficção do que para os fascinados por história.

Mas não desanime com essa informação, o fato é que a descrição do castelo no livro bate perfeitamente com o da vida real. E, além de sua beleza e mística, ele tem uma coleção de vários objetos que pertenceram à rainha Maria, que reinou na Romênia durante o início do século 20.

Foto: Divulgação
Qasr Amra

Qasr Amra – Jordânia

Encontrado no meio do deserto da Jordânia, próximo a cidade de Amã, o Qasr Amra é um antigo castelo que servia de fortaleza e residência para os califas. É o mais conhecido dos castelos do deserto, e é tombado como patrimônio da humanidade pela Unesco.

O interior do antigo palácio é aberto para visitação. Lá dentro, é possível ver as antigas casas de banho e a cúpula, que apresentam um bom estado de preservação. O castelo virou um ponto turístico e é muito visitado pelos turistas, que ficam fascinados com seus mosaicos e afrescos muito bem conservados.

A boa conservação deve muito a algumas medidas tomadas para evitar erosões, muito comuns na região. Uma das atitudes feitas para evitar o desgaste está o plantio de árvores próximas ao castelo para reduzir a aridez do deserto.

Fonte: http://www.lugarespelomundo.com

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora