Dicas para driblar as tentações gastronômicas na hora do trabalho

Estratégias certeiras para ajudar a manter uma dieta saudável durante o período do trabalho


Para quem busca uma alimentação saudável ou perder peso, o ideal é fazer um café da manhã equilibrado e levar o almoço para o trabalho. No entanto, lanchinhos feitos ao longo do dia sem planejamento (ou com fome) podem botar tudo a perder. E aí, não há dieta que funcione. Para evitar a autossabotagem a dica é criar um ambiente de trabalho mais saudável. E como fazer isso? Buscando estratégicas para não cair em tentação como deixar na gaveta sempre opções de snacks saudáveis e com poucas calorias. Para te ajudar nessa tarefa, o Vigilantes do Peso listou quatro estratégias para manter o foco e não sair da dieta.

1. Campo minado
Todo local de trabalho tem um ou mais desses alimentos prontos para “te dar uma rasteira”: bolachinhas e biscoitos bem visíveis, balas, máquinas de salgadinhos e doces, o açúcar do cafézinho e por aí vai. Render-se a guloseimas e permanecer horas sentado é sinônimo de ganho de peso.
> O que fazer? Monte seu próprio estoque. Abasteça a gaveta com lanches saudáveis como mix de nozes, castanhas e frutas secas, biscoitos integrais, cookies integrais light ou barra de cereal sem chocolate. A ideia é comer uma porção entre as refeições e não todos de uma só vez.

2. O almoço no trabalho
Ligações inadiáveis e reuniões que se estendem até a hora do almoço são uma isca para se render ao fast food ou pedir comida por telefone. As opções são menos saudáveis e com muitas calorias, mesmo a saladinha quando temperada com molhos.
> O que fazer? Você até pode comer comidas mais calóricas, mas mantenha o tamanho “pequeno” de suas porções e peça molhos à parte, usando-os com moderação. Comer castanhas, amêndoas e mesmo um iogurte light antes do almoço ajuda a diminuir a fome e controlar a quantidade de comida na refeição. Jamais pule o café da manhã. “Aqueles que pulam o café da manhã são mais suscetíveis a exagerar na hora do almoço”, observa o mestre em nutrição e porta-voz da Associação Americana de Nutrição, Milton Stokes.

3. Pausas refrescantes
Energéticos, isotônicos e refrigerantes são calorias disfarçadas e mandam para o ralo qualquer planejamento saudável. Apenas um copo da bebida contém mais de 200 calorias. O mesmo vale para sucos de caixinha e lata.
> O que fazer? Mantenha um squeeze cheio de água na mesa de trabalho para quando bater a sede. Beber água e comer uma barra de cereal com uma fruta é muito melhor que se render ao refrigerante ou suco durante o trabalho.

4. A lanchonete
Repare: existe uma lanchonete ou padaria a menos de um quarteirão próximo de onde você trabalha. Em alguns casos, elas habitam o mesmo prédio!
> O que fazer? Manter a gaveta cheia de opções saudáveis ainda é uma saída para driblar a tentação. Se você tiver mesmo que ir à lanchonete, escolha um sanduíche de pão integral com frios magros e queijo branco, biscoitos integrais com baixo teor de gordura ou vitamina de fruta com leite desnatado. Matam a fome com sabor e poucas calorias.

Foto: Divulgação
Omelete de tomate seco e cogumelo

Omelete de tomate seco e cogumelo

Ingredientes
6 tomates secos sem óleo
3 claras de ovo
2 ovos crus
1 pitada de sal
1 pitada de pimenta-do-reino preta moída
2 colheres (chá) de azeite de oliva
½ xícara (chá) de cogumelo cru, fatiado
¼ xícara (chá) de cebola picada
1 cebolinha fatiada

Modo de preparo
Coloque os tomates secos em uma tigela e cubra com água fervente. Aguarde 10 minutos, escorra e corte em fatias. Em outra tigela, bata as claras com os ovos, o sal e a pimenta. Aqueça metade do azeite numa frigideira antiaderente em fogo alto. Acrescente os tomates, o cogumelo, a cebola e o alho. Cozinhe por 4 a 5 minutos, até que os legumes amoleçam. Transfira para um prato. Limpe a frigideira, retorne ao fogo médio e aqueça o azeite restante. Acrescente os ovos batidos e cozinhe por 1 minuto. Espalhe a mistura dos tomates com os cogumelos por cima da metade da omelete. Com uma espátula, vire a outra metade sobre os legumes. Continue cozinhando, até que o recheio esquente bem e o ovo fique cozido por completo, por cerca de 1 a 2 minutos. Corte a omelete ao meio e sirva com a cebolinha salpicada.

Foto: Divulgação
Salada morda de penne integral e couve-flor

Salada morna de penne integral e couve-flor

Ingredientes
250g de penne integral cru
2 ½ colher (chá) de azeite de oliva
1 cabeça pequena de couve-flor, cortada em floretes pequenos
2 dentes grandes de alho amassados
2 tomates sem pele, sem sementes e picados
¾ colher (chá) de sal
¼ colher (chá) de pimenta-calabresa sem flocos
1/3 xícara (chá) de salsa fresca

Modo de preparo
Cozinhe a massa de acordo com as indicações do fabricante, sem sal, se preferir. Enquanto isso, aqueça o azeite em uma panela grande antiaderente em fogo alto. Cozinhe a couve-flor por 8 minutos, mexendo até que os floretes fiquem tenros e levemente dourados. Transfira para uma tigela. Unte a mesma panela com óleo em spray, acrescente a cebola e o alho e cozinhe em fogo médio, mexendo até amaciarem, por cerca de 5 minutos. Retire o alho e descarte. Retorne com a couve-flor à panela, acrescente o tomate, o sal e a pimenta. Tampe e cozinhe em fogo médio por 10 minutos, mexendo com cuidado. Acrescente a massa e a salsa e cozinhe por 2 minutos, até aquecer bem.

Foto: Divulgação
Lanche

Sanduíche caprese

Ingredientes
1 colher (chá) de azeite de oliva
1 pitada de orégano seco
1 pitada de pimenta-do-reino preta moída
2 fatias de pão de forma integral light
3 fatias de tomate
2 fatias de queijo-de-minas frescal zero gordura
5 folhas de manjericão fresco

Modo de preparo
Misture o azeite com o orégano e a pimenta-do-reino. Sobre uma fatia de pão, arrume o tomate, o queijo e as folhas de manjericão. Tempere com o azeite, cubra com a outra fatia de pão e sirva. Se preferir, leve à sanduicheira ou frigideira para aquecer.

Fonte: Vigilantes do Peso

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora