Novo Nissan Leaf ganha segurança e autonomia

Esta nova geração do carro elétrico mais vendido do mundo, apresentada no ano passado, deve chegar ao Brasil em 2019


As boas notas que a nova geração do Nissan Leaf vem conseguindo nos testes de segurança na Europa estão servindo para que o carro elétrico se estabeleça ainda mais em todo mundo. Mas não foi apenas em segurança que o Leaf melhorou em comparação à primeira geração. Agora, com nova bateria de 40 kW/h, a autonomia declarada finalmente chega para tocar os 380 km no circuito NEDC, o que no dia a dia representa uma condução de 300 km. O modelo anterior era capaz de fazer 160 km. A recarga também ficou mais rápida. Agora, é possível “encher” 80% das baterias em apenas 40 minutos. Esta nova geração do carro elétrico mais vendido do mundo, apresentada no ano passado, deve chegar ao Brasil em 2019.

Assim como seu nome em inglês, “Leaf” que significa folha, o carro é leve e mostra bastante agilidade. Com um motor 100% elétrico, ou seja, de emissão zero de CO2, ele é capaz de entregar 150 cv e 32,6 kgfm de torque. Em relação às medidas, o carro é um hatch médio típico, com 4,48 m de comprimento, por 1,79 m de altura e 2,70 m de entre-eixos.

O Leaf de segunda geração tem um design mais rígido e esportivo. E corresponde a isso dinamicamente, pois da primeira para a segunda geração ganhou dirigibilidade e aderência, que geram maior sensação de segurança e esportividade. Na Europa, a Nissan oferece o carro por 33 mil euros, competitivo para o mercado de lá. Já aqui no Brasil, a montadora aguarda incentivos fiscais para baratear o carro, que hoje custaria algo em torno de R$ 200 mil.

Foto: Divulgação
Ao conduzir a segunda geração do elétrico mais vendido no mundo, as impressões são claramente positivas

Tecnologia O hatch médio da Nissan usa a tecnologia e-pedal, a mesma do BMW i3. Ou seja: concentra as funções de aceleração e frenagem apenas no pedal do acelerador, como se tivesse um freio-motor muito forte. Outra tecnologia presente que auxilia o motorista é a direção assistida e o estacionamento automático. Em relação à segurança a Nissan fez seu dever de casa e o Leaf 2018 tirou nota máxima nos testes de segurança que foram divulgados pela Euro NCAP, responsável pelos parâmetros de segurança do setor automotivo.

Nesta leva de testes, a segunda geração do carro japonês foi avaliada a partir de critérios bem mais exigentes que as que o modelo anterior enfrentou. Itens como seis airbags, controles de estabilidade e frenagem automática e avisos para cinto de segurança garantiram uma avaliação de 93 em 100 para adultos. Para as crianças, a nota foi de 86 em 100 já que o hatch elétrico vem com ganchos Isofix, que permitem o encaixe de cadeirinhas, em dois lugares dos três assentos traseiros. Em relação à detecção de ciclistas e pedestres em ambientes noturnos, o carro também ganhou nota máxima.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!