13 de agosto de 2022 Atualizado 22:03

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Casa

Dicas práticas para uma casa organizada

Bagunça afeta o emocional e até mesmo as relações familiares; saiba como manter a casa arrumada no dia a dia

Por Marina Zanaki

16 de março de 2022, às 07h13 • Última atualização em 16 de março de 2022, às 18h34

Não há lugar no mundo como nosso lar. A menos que ele esteja tomado pela bagunça, ninguém saiba encontrar o que precisa e a arrumação pareça um sonho distante. Nessa situação, qualquer lugar é melhor do que a própria casa.

 A família precisava de um móvel para o home theater que tivesse também a função de organizar melhor o espaço. No projeto da arquiteta Carolina Ardito, foi pensado um painel de TV oculto, que quando se abre serve como armário – Foto: Favaro Jr

Alcançar a organização é possível, mas exige certa dose de disciplina e cuidados. A verdade é que a arrumação deve ser feita diariamente, e justamente por isso é necessário criar mecanismos que facilitem esse processo – afinal, a rotina corrida é o principal desafio a ser vencido para ter um lar em ordem.

Personal organizer e especialista em detox do lar, Michele Trevisan disse que viver em um local entulhado de coisas afeta o emocional e pode até mesmo influenciar de forma negativa nas relações familiares.

“Nossa mente absorve toda a energia da bagunça. Quem vive em um lar bagunçado fica em um ciclo vicioso e não dá conta nunca. A pessoa começa a se acostumar com a bagunça, como se ela virasse paisagem”, exemplifica a especialista.

“O grande erro é que, todo dia, quando você vai guardar, devolve para um lugar diferente, e não para o lugar específico. Por isso, a bagunça está sempre andando”, revelou a profissional.

 O lustre confere elegância ao closet do Apartamento Rosé, da designer de interiores Iara Kílaris, e é responsável pela iluminação indireta do ambiente, ajudando a encontrar os objetos. As portas em vidro conferem amplitude e organização. Depois de tudo colocado em seu devido lugar, é fácil encontrar as roupas e acessórios – Foto: Leandro Farchi

Menos, é mais

A arquiteta Glaucia Matias disse que a dica de ouro para uma casa organizada é uma só: menos é mais. Além de dificultar a limpeza dos ambientes, o excesso de objetos também torna a arrumação quase uma missão impossível.

“Acontece muito das pessoas quererem colocar uma decoração para a visita, e não para que ela chegue no ambiente e se sinta confortável. O cliente tem a visão errada e acaba se arrependendo, principalmente aqueles que fazem sozinhos. Por isso, uma dica muito importante é contratar um profissional”, recomendou Glaucia.

Um dos locais com mais acúmulo em uma casa é, sem dúvida, o quarto. A sugestão da profissional é investir em um closet, para garantir o espaço necessário e manter os objetos em seus devidos lugares. Os modelos mais recentes são feitos com portas de vidro, que delimitam o espaço sem afetar a visão do interno, e contam com lâmpadas que se acendem automaticamente quando as portas abrem.

 Em um espaço que não seria aproveitado embaixo da escada, a arquiteta Carolina Ardito instalou um armário. A moradora quis que ele fosse decorativo com os nichos, mas também tivesse gavetas e portas para guardar malas – Foto: Favaro Jr

Se manter uma casa organizada é um desafio por si só, a dificuldade redobra em espaços reduzidos. A maior aliada de casas e apartamentos pequenos é a otimização, que só é alcançada de forma plena com móveis planejados.

“Ambientes organizados e funcionais são possíveis com as adequações dos móveis planejados, tornando o dia a dia prático. Para ambientes de maior uso, o ideal é manter tudo o que você usa diariamente em fácil alcance, assim como guardar e organizar os itens de pouco uso. Para isso, a organização dos móveis planejados se torna fundamental”, destacou o diretor comercial da Ambientes Decore, Leandro Rocha.

Ele lembrou que os ambientes planejados têm a vantagem de serem exclusivos. “Tudo se encaixa como deveria e o armazenamento é criado exatamente para o que se deseja. O espaço interno é pensado em sua utilidade, assim é possível ter o móvel adequado ao que se precisa”, disse Leandro.

Espaço útil. Se em uma casa organizada cada objeto tem seu lugar, em espaços menores o segredo é utilizar locais que normalmente seriam perdidos. Dentro deste conceito, as camas com box baú são ideais para ajudar na organização do quarto, seja ele de casal ou solteiro.

Gerente comercial da Aki Cochões, Daniel Sanfin destacou que o box com baú para casal cria um verdadeiro armário embaixo do colchão.

 A família pediu à arquiteta Bianca Rodrigues que os brinquedos da coleção do filho fossem expostos de forma funcional, prática e organizada, e que a criança pudesse alcançá-los no futuro. O objetivo era evitar baús organizadores no chão do quarto, e a solução encontrada pela profissional foi criar nichos na parede – Foto: Bianca Rodrigues

Para as camas de solteiro, também estão disponíveis opções de box com cama auxiliar ou baú – há algumas que inclusive unem as duas funcionalidades. Além disso, o clássico recamier, peça funcional que fica aos pés da cama e auxilia na hora de calçar os sapatos, também pode ser encontrado em modelos estratégicos com baús.

“Para quem tem problema de espaço, essa é a saída. O box com baú ou com cama auxiliar vende mais do que os normais hoje em dia”, revelou o gerente. 

Veja como estabelecer e manter a organização da casa

Passo a passo para organizar a casa

  1. Desapegar do que não usa: o excesso de coisas dificulta a organização
  2. Determinar um espaço para cada item: tenha categorias para os objetos
  3. Criar um sistema de organização para que a bagunça não volte: invista em organizadores nos formatos colmeias, peixinho, fileiras
  4. Engajar todos os moradores, senão várias pessoas bagunçam e apenas uma se sobrecarrega com a arrumação

Como manter a casa arrumada?

  1. Crie facilidades: se está difícil pegar um objeto, devolvê-lo para o lugar após o uso será ainda mais complicado
  2. Tenha um olhar em 360 graus: não espere um único dia da semana para organizar a casa. Viu algo fora do lugar, coloque de volta
  3. Estabeleça o toque de recolher: 10 minutos antes de dormir, organize tudo que está fora do lugar. Isso ajuda a começar o dia sem bagunça

Fuja das armadilhas

  1. Viciar em loja de utilidades: não é a compra dos organizadores que vai resolver o problema, e sim separar os objetos em categorias e criar o sistema de organização.
  2. Querer resolver a bagunça toda em um dia: divida o trabalho em etapas, recebendo recompensas pelo avanço e mantendo a motivação
  3. Não reconhecer seus limites: achar que vai dar conta de tudo gera sobrecarga e estresse. Aprenda a priorizar para não viver em função da casa

Publicidade