Alimentos saudáveis que podem fazer mal

Alguns alimentos fazem muito bem à saúde, mas desde que consumidos com moderação, já que também podem representar problemas


Lembra do desenho O Rei Leão quando os personagens Timão e Pumba cantavam “Necessário, somente o necessário/O extraordinário é demais”? Pois é, muitos pensam que só porque uma comida é saudável está liberado o consumo em excesso.

No entanto, além de moderação nunca ser demais, existem alguns alimentos que precisam de uma atenção extra para que não acabem fazendo mal para o organismo.

Foto: Pixabay
O espinafre é considerado um superalimento

Conheça alguns alimentos que podem prejudicar a saúde se consumidos em excesso:

Chia, linhaça e outras sementes – são muito indicadas para quem quer seguir uma alimentação saudável, já que oferecem inúmeros benefícios para a saúde. No entanto, em quantidade exagerada, podem causar gases e até obstrução intestinal – principalmente se o corpo não estiver devidamente hidratado.

Açaí – é um dos alimentos mais indicados para quem precisa de energia – como atletas, por exemplo. Ainda faz bem para o coração por ter uma substância conhecida como antocianina. Mas deve ser consumido com moderação por ser rico em gorduras e altamente calórico.

Amendoim – ele tem antioxidantes, concentra gorduras saudáveis e ainda fortalece os músculos. Mas deve ser consumido com moderação pois, além de altamente calórico, pode causar dor no estômago e até problemas respiratórios em excesso.

Espinafre – é considerado um superalimento: melhora a saúde dos olhos por ser rico em vitamina A, fortalece a imunidade com a vitamina C, evita problemas cardiovasculares e ainda é aliado contra o Alzheimer graças à vitamina K. Mas, por ter uma substância chamada de oxalato em sua composição, aumenta o risco de cálculos renais no consumo excessivo.

Queijo – versátil e delicioso, ainda entrega vantagens para a saúde. Dá mais energia para o corpo por ser rico em proteínas, melhora a visão pela presença da vitamina A e ainda fortalece ossos e dentes por contar com uma boa quantidade de cálcio em sua composição. No entanto, além de se tratar de um alimento calórico, tem em algumas versões excesso de sódio – que, entre seus malefícios, aumenta a pressão arterial.

 

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!