Como se manter saudável e aproveitar as festas

Segundo nutricionista esportiva, é possível aproveitar as guloseimas usando algumas táticas para manter uma alimentação inteligente e saudável


Fim de ano é aquele momento em que todo mundo aproveita não só para estar com a família e os amigos e trocar presentes, como para desfrutar de refeições feitas normalmente nesta época. Na maioria das vezes, isso se torna desculpa para abandonar a alimentação saudável, além de reforçar aquela promessa clássica de iniciar uma dieta no ano que está por vir. Mas, não precisa ser assim. De acordo com a nutricionista esportiva Ana Paula Pena, é possível aproveitar as guloseimas usando algumas táticas para manter uma alimentação inteligente e saudável.

Foto: AdobeStock
Esqueça aquela ideia de fazer jejum antes da festa para chegar com fome e atacar as comidas

“Os eventos de final de ano são episódios que acontecem durante uma ou duas refeições num determinado dia, e não um mês inteiro. A melhor estratégia é manter o comportamento saudável diariamente. No decorrer de dia de festa invista em alimentos ricos em fibras como chia, aveia e linhaça e em fontes de gorduras boas como abacate, coco e oleaginosas, que deixam o nosso organismo satisfeito por mais tempo”, explica.

Ainda de acordo com Ana Paula, chá verde, gengibre, pimenta e canela são itens que auxiliam no metabolismo e não podem ser deixados de lado nessa época. No entanto, o que não deve ser consumido em excessos ou combinados na mesma refeição são carboidratos simples, como pães e massas de farinha branca, e doces. De acordo com Ana Paula, “preencha a maior parte do prato com folhas, verduras e legumes, mais uma opção proteica”.

Antes
Esqueça aquela ideia de fazer jejum antes da festa para chegar com fome e atacar as comidas. Afinal, este não deve ser o foco da noite, aproveite também este momento de carinho com os amigos e familiares. Alimente-se durante o dia como já é de costume, fazendo as refeições corretamente. E não deixe de praticar atividade física nesses dias. Segundo Ana Paula, as oleaginosas (castanhas, nozes, amendoins, entre outros) que costumam ficar dispostas à mesa são ótimas apostas por serem ricas em minerais, vitaminas e gorduras boas, mas sempre com moderação, pois nada em excesso faz bem.

Durante
Na hora de escolher a bebida que vai acompanhar seu prato, tente sempre optar pelo vinho, que é rico em antioxidantes. Mas não se esqueça: antes de consumir bebidas alcoólicas, coma alguma coisa e, entre um brinde e outro, beba água. Na hora de sentar na mesa, o ideal é começar a refeição com uma generosa porção de salada, com verduras e legumes, que dão saciedade por conta da quantidade de fibras. Além disso, dê preferência a carnes magras, como as aves, e faça trocas conscientes. Se você quer saborear a sobremesa, é bom reduzir a quantidade de farofa, arroz e massas.

Depois
Após as festas, é hora de dar um respiro ao organismo e apostar em alimentos que ajudam a reduzir a retenção de líquidos e toxinas ingeridos. Água de coco, couve, melão, salsa e pepino são alguns dos alimentos que Ana Paula recomenda para se livrar, principalmente do inchaço, causado pela retenção de líquidos e sódio.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora