14 de outubro de 2021 Atualizado 21:28

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Turismo

Conheça oito destinos em Minas Gerais

Uma viagem não será suficiente para conhecer os principais destinos e pontos turísticos do Estado

Por Monique Renne - melhoresdestinos.com.br

23 set 2021 às 09:23

Minas Gerais é um dos mais acolhedores e apaixonantes destinos do Brasil. Difícil mesmo é decidir por onde começar! Quem percorre as cidades de Minas Gerais pode escolher entre roteiros históricos, de natureza, destinos repletos de cachoeiras, passeios relaxantes por águas mágicas e circuitos sempre repletos do melhor da comida mineira.

Claro que uma visita a Belo Horizonte, por si só, já vale a viagem! Mas o Estado de Minas Gerais vai muito além. Invista em diversas viagens e curta cada um dos lugares. As cidades mineiras são sempre apaixonantes e cada uma delas vale a sua visita.

As principais cidades são mesmo imperdíveis, mas alguns pontos turísticos, ainda fora do circuito mais comum entre os turistas, também são muito especiais! Vale começar a percorrer as cidades mineiras por Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, e também algumas das mais famosas cidades históricas de Minas, como Ouro Preto e Tiradentes.

Belo Horizonte

Belo Horizonte é a capital e um dos principais destinos turísticos de Minas Gerais. Uma visita pode começar pela Lagoa da Pampulha, onde estão atrações como a Igrejinha de São Francisco de Assis, a Casa Kubitscheck, a Casa do Baile e o Museu de Arte da Pampulha – MAP.

Depois siga, rumo ao centro da cidade, onde a Praça da Liberdade abriga espaços culturais como o Centro Cultural Banco do Brasil, o Memorial Minas Gerais, o Museu das Minas e do Metal, o Espaço do Conhecimento da UFMG e a Casa FIAT de Cultura.

Bem pertinho vale conferir o Centro de Arte Popular, o Museu Mineiro e o Museu Histórico Abílio Barreto para fechar o tour. Com mais tempo na cidade, vá ao Mirante do Mangabeiras ou à Praça do Papa para um lindo pôr do sol. E, claro, não deixe de passar pelo Mercado Central para degustar alguns quitutes mineiros!

Capitólio

As águas de Capitólio deram fama de “Mar de Minas Gerais” à região, com dezenas de cachoeiras e banhada pelo incrível Lago de Furnas. Grande parte das atrações de Capitólio, na verdade, ficam em cidades vizinhas, especialmente em João Batista do Glória e São José da Barra. Elas são coladinhas uma a outra e o ideal é aproveitar todas elas! Para começar a viagem, experimente um passeio de lancha pelo Lago de Furnas e veja bem de perto os Cânions de Capitólio. Você poderá nadar sob a queda d’água de diversas cachoeiras, além de curtir bares flutuantes e restaurantes com linda vista para o Lago de Furnas. Depois, suba ao Mirante dos Cânions para ver a grandiosidade do Lago de Furnas. Quando terminar o passeio, siga rumo a alguns circuitos de cachoeiras, entre eles as da Trilha do Sol, as do Paraíso Perdido, as do Pé da Serra, o complexo da Cachoeira da Capivara e as Cachoeiras do Retiro Viking.

Congonhas

A cidade histórica de Congonhas preserva algumas das mais importantes obras de Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho. Um paraíso para os amantes da arte, que podem conferir no local peças de incalculável valor.

Quem visita Congonhas tem a chance de ver bem de perto a obra “Os Doze Profetas”, com esculturas esculpidas em tamanho real e que adornam o adro do Santuário do Bom Jesus dos Matosinhos.

A obra, que data do século 18, é protegida pela Unesco e considerada Patrimônio Cultural da Humanidade. Além das esculturas, será possível conferir ainda a Igreja do Bom Jesus de Congonhas e seis capelas que retratam os Passos da Paixão de Cristo, todas adornadas com obras de Aleijadinho. Não deixe de ir ao Museu de Congonhas, onde um moderno acervo explica o passo a passo da obra de Aleijadinho e mostra as imagens em detalhes.

Congonhas – Foto: RitaMarcia – Pixabay RitaMarcia – Pixabay

Diamantina

Diamantina é uma das mais bem preservadas cidades históricas de Minas Gerais, tanto que recebeu o título de Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. Ponto de partida da rota conhecida como Estrada Real, Diamantina reserva preciosidades.

Os charmosos casarões e igrejas centenárias que compõem as ruas de pedras estão entre as maiores atrações. E é esse cenário impressionante que serve de palco para o maior espetáculo local: a Vesperata. O show, que reúne dezenas de instrumentistas nas varandas dos edifícios históricos, é comandado por um maestro em meio ao público.

Aproveite para percorrer as intensas ladeiras do Centro Histórico; tomar um banho de cachoeira; visitar lindas igrejas, fazer belas fotos no Instituto Casa da Glória, um dos ícones da arquitetura local; e aproveitar a boa culinária mineira, preferencialmente aos pés de uma árvore na encantadora Vila do Biribiri.

Mariana

Uma visita a Ouro Preto jamais estará completa sem uma passadinha por Mariana. As duas foram uma dupla quase imbatível no roteiro pelas cidades históricas de Minas Gerais. Ela ainda preserva parte da história colonial brasileira, especialmente ligada ao período do Ciclo do Ouro.

Uma das grandes estrelas é a Igreja de São Francisco, que conta com nave e sacristia pintadas por Mestre Ataíde (que tem os restos mortais sepultados na igreja) e púlpitos em pedra sabão são atribuídos a Aleijadinho.

Ao lado dela, a Igreja de Nossa Senhora do Carmo, que sofreu um triste incêndio em 1999 e perdeu parte do teto, tem um belo altar-mor ainda preservado. De frente às igrejas, a Casa da Câmara e Cadeia (aberta à visitação) preserva mobiliário e arquitetura dos séculos 18 e 19, enquanto um pelourinho resgata a memória dos tristes dias de trabalho escravo.

Ouro Preto

Ouro Preto é o principal destino entre o roteiro de cidades históricas de Minas Gerais. Fundada no século 18 – período que o Brasil era colônia -, reserva paisagens e obras de arte de incalculável valor.

Ouro Preto – Foto: Ronaldo Krieger – Pixabay

Em meio a incontáveis ladeiras, o viajante poderá apreciar traços importantes da arquitetura colonial, obras de alguns dos mais expressivos nomes da arte nacional – como Aleijadinho e Mestre Ataíde – e também experimentar os mais tradicionais sabores mineiros.

Para começar o tour, percorra igrejas como a Matriz de Nossa Senhora do Pilar, a Igreja de São Francisco de Assis, a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos e a Igreja de Santa Efigênia. Se você curte museus, visite o Museu da Inconfidência, o Museu de Ciência e Técnica da Escola de Minas/ UFOPS (com um pôr do sol incrível), o Museu de Arte Sacra de Ouro Preto e o Museu Aleijadinho.

Com mais tempo, aprofunde-se na história do ouro visitando algumas minas desativadas, como a Mina da Passagem.

Serra da Canastra – São Roque de Minas

Impossível falar de Minas Gerais sem lembrar dos sensacionais queijos mineiros. E um dos mais deliciosos destinos do Estado é a Serra da Canastra, que tem como um dos principais acessos à cidade de São Roque de Minas.

O destino abriga diversos produtores de queijos premiados e, de quebra, um cenário natural digno dos mais lindos de Minas Gerais, entre eles os atrativos do Parque Nacional da Serra da Canastra. Um passeio pela Serra merece um dia inteiro dedicado a visitas às fazendas produtoras de queijos. Patrimônio Cultural e Imaterial Brasileiro, o Queijo Canastra pode ser experimentado in loco.

Se o seu foco são as belezas naturais, visite a nascente do Rio São Francisco, no Parque Estadual da Serra da Canastra, e também a magnífica Cachoeira Casca d’Anta (maior queda d’água do São Francisco), com diversas piscinas naturais nos arredores.

Tiradentes

Com ruas de pedra e cercada por casarios coloniais coloridos, Tiradentes é linda, tranquila, fotogênica. Vista um calçado confortável, prepare-se para belas caminhadas e comece pelo Centro Histórico.

Tiradentes – Foto: Serginho Pacheco – Pixabay

Entre uma rua e outra, visite a Igreja Matriz de Santo Antônio, o Museu Casa Padre Toledo, a Igreja Nossa Senhora do Rosário e o Museu de Sant’Ana, sem esquecer das capelas que formam os Passos da Paixão de Cristo. Sente-se à sombra do Largo das Forras, aprecie o cenário do Chafariz de São José e encante-se com todas as belas lojas de arte, artesanatos e móveis rústicos da região.

Publicidade