03 de março de 2021 Atualizado 12:44

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Refinamento sutil

Toyota renova visual e traz outras novidades no SW4

Montadora aposta em mais potência e nova condução semiautônoma para as versões turbodiesel

Por Eduardo Rocha / Auto Press

05 dez 2020 às 08:29

Se dependesse apenas do mercado brasileiro, a Toyota não tinha motivos para renovar o SW4. Afinal, ela domina o segmento específico com sobras, com 70% de participação. Só que o face-lift obedece a uma lógica institucional de manter seus modelos com a mesma identidade visual e também para marcar a atualização: assim como a Hilux, o SW4 recebeu alteração na motorização turbodiesel, que ficou 15% mais potente, e nos equipamentos de segurança.

O modelo também passou por mudanças estéticas na frente e na traseira. A linha 2021 do SW4 tem valores aproximadamente 6% mais altos. As versões flex SR e SRV, para cinco e sete passageiros, são sempre 4X2 e chegam por R$ 202,390 e R$ 221.090. A versão turbodiesel SRX, que é 4X4, chega a R$ 309.690 para cinco passageiros e a R$ 314.790 para sete.

Por fora, a mudança se concentrou na frente, com uma grade mais alta, faróis mais afilados e nichos de farol de neblina redesenhados, sem o antigo friso cromado, com guarnição em preto e sublinhado pelos led do DLR. Na traseira, a base do para-choque recebeu um painel em preto e as lanternas tiveram as seções internas redesenhadas.

Por dentro, a moldura da tela de oito polegadas do sistema multimídia cresceu para que os botões giratórios fossem integrados. O equipamento é capaz de se conectar através de aplicativos Apple CarPlay e Android Auto.

Toyota SW4 – Foto: Divulgação

A mudança mais notável foi no sistema de entretenimento, que passa a ser da marca JBL Premium e conta com GPS integrado, câmera de ré e TV Digital.

Já o motor turbodiesel 2.8 litros, com quatro cilindros em linha, teve a potência aumentada de 177 cv para 204 cv. O torque cresceu em 11% e foi de 45,9 kgfm para 50,9 kgfm. A tração é 4X2 com 4X4 e 4X4 reduzida acoplável a partir de um seletor no console central e conta com bloqueio elétrico do diferencial traseiro e controle de descida. O câmbio é automático e de seis marchas.

Toyota SW4 – Foto: Divulgação

A versão SRX traz outros recursos, como o pacote Toyota Safety Sense, com controle de cruzeiro adaptativo, alerta de manutenção de faixa com condução assistida, alerta de colisão frontal com frenagem automática de emergência. Traz ainda bancos dianteiros ventilados e tampa do porta-malas elétrica.

Esta é, a princípio, a última renovação no modelo com a atual arquitetura. A previsão é que a Hilux e o SW4 ganhem nova plataforma em 2022.

Publicidade