13 de agosto de 2022 Atualizado 22:03

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

SUV

Honda dá ‘salto à frente’ com o novo HR-V

Primeiras unidades desta nova geração do modelo chegam às concessionárias da marca no final deste mês

Por Eduardo Rocha / Autopress

05 de agosto de 2022, às 18h36 • Última atualização em 05 de agosto de 2022, às 18h37

Em geral, quando uma marca usa a palavra “novo” ou “new” para definir um carro, o que ocorre é um redesenho de grade ou de para-choque. No entanto, no caso do SUV compacto da Honda, o New HR-V, não é exagero. Não há um parafuso ou porca que tenha sido herdado do antecessor: carroceria, motores, arquitetura eletrônica e estrutural, tudo foi mexido.

As primeiras unidades desta nova geração do modelo chegam às concessionárias da marca no final deste mês, e a tendência é que ele brigue no topo do segmento, com preços entre R$ 142,5 mil e R$ 184,5 mil.

Novo Honda HR-V – Foto: Honda / Divulgação

No visual, o modelo foi completamente renovado e acentuou o perfil de SUV cupê, que era insinuado na geração anterior. A última coluna ficou ainda mais inclinada, mas manteve a maçaneta no ângulo posterior da porta, meio que camuflada.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Dê forma geral, as linhas da carroceria são orgânicas, com poucos detalhes geométricos e tônus bem acentuado nas portas. A linha de cintura bem alta dá um aspecto de robustez ao modelo, enquanto o capô que embica para baixo empresta uma imagem de velocidade. Na frente, os faróis em led são interligados por uma barra cromada, enquanto na traseira as lanternas horizontais são interligadas por uma barra de led.

Novo Honda HR-V – Foto: Honda / Divulgação

O modelo chega em quatro versões de conteúdo e acabamento: EX, EXL, Advance e Touring, e elas se diferenciam umas das outras no visual, principalmente da grade dianteira. Nas duas versões mais simples, EX e EXL, a grade é composta por barras horizontais na cor do carro e não tem moldura, o que dá uma aparência esportiva e moderna ao modelo.

Séries, filmes, games, quadrinhos: conheça o Estúdio 52.

Já as versões Advance e Touring trazem uma grade em preto brilhante com uma trama em losango e pequenos quadrados nas interseções. A diferença é que a Advance tem moldura em preto e na Touring é cromada.

Novo Honda HR-V – Foto: Honda / Divulgação

O novo visual valorizou bastante o SUV compacto, que tem feito sucesso na Europa, onde foi lançado no ano passado numa versão híbrida. No Brasil, no entanto, o New HR-V vai ter motores retrabalhados, mas convencionais.

Fãs de literatura têm espaço reservado no LIBERAL

De qualquer forma, o modelo evoluiu significativamente, principalmente em relação à segurança. Desde o modelo de entrada, é equipado com o pacote de segurança da marca, chamado Honda Sensing.

Novo Honda HR-V – Foto: Honda / Divulgação

TECNOLOGIA
Entre os sistemas está um controle de cruzeiro adaptativo inovador, com sistema low speed follow, que permite a manutenção da distância do veículo à frente mesmo em baixas velocidades. Além disso, o pacote tem sensor de colisão com frenagem autônoma, centralizador de faixa de rodagem, sistema para inibir a saída de pista com ação corretiva no volante e farol alto com comutação automática.

O SUV ainda conta de série com faróis full led, seis airbags, controle de descida em rampa (entre 6 e 20 km/h), sistema lane watch, que evita o ponto cego com uma câmera que mostra no painel a faixa à direita quando a seta é acionada, câmera de ré e monitor de pressão dos pneus.

Novo Honda HR-V – Foto: Honda / Divulgação

A configuração de topo, Touring, tem banco do motorista com acionamento elétrico, partida remota do motor pela chave e abertura e fechamento elétrico do porta-malas por sensor de movimento. Tanto a top de linha quando a versão Advance trabalham com o motor 1.5 turbo, que é o mesmo usado na geração antecessora, só que ele foi retrabalhado para passar a ser flex.

Como as duas versões superiores só chegam ao mercado em outubro, a Honda preferiu não divulgar a ficha técnica definitiva do propulsor. Mas não ficará muito longe dos números do modelo antecessor, com 173 cv de potência e 22,4 kgfm de torque.

Publicidade