10 de maio de 2021 Atualizado 19:45

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Motors

Fiat Toro Ultra vem fazendo sucesso no mercado brasileiro

Modelo conta com nada menos que 10 versões diferentes, seis delas na linha com o motor 2.0 turbodiesel de 170 cv e 35,7 kgfm

Por Eduardo Rocha - Auto Press

06 mar 2021 às 11:47

Enquanto os norte-americanos adoram personalizar seus automóveis, os brasileiros, ao contrário costumam valorizar os carros que mantêm as características originais. Esse comportamento abre um espaço para que a própria indústria crie versões específicas para diferenciar os modelos de uma mesma gama.

No design da versão Ultra, foi feita uma leitura do que agrada ao universo urbano, com uso de poucos brilhos – Foto: Divulgação

Para oferecer um leque de “personalização de fábrica” e garantir a rentabilidade do negócio, no entanto, é preciso ter uma massa crítica mínima na produção. Ou seja: carros mais bem vendidos podem oferecer mais versões. Caso da picape Fiat Toro. O modelo conta com nada menos que 10 versões diferentes, seis delas na linha com o motor 2.0 turbodiesel de 170 cv e 35,7 kgfm.

Quando foi lançada, em 2016, o modelo de topo era a Volcano. Em 2018, passou a ser a versão “caipira chique” Ranch. Em 2019, chegou a versão Ultra, a mais urbana e sofisticada da linha. Ela meio que divide com a Ranch a condição de modelo de topo, mas como vem com a tampa rígida de caçamba, pomposamente batizada de Dynamic Cover, ela acaba saindo cerca de R$ 2 mil mais cara: R$ 181.490 (R$ 184.593 no Estado de São Paulo). O único opcional disponível é a pintura metálica, que acrescenta cerca de R$ 2.500 ao valor.

A ideia da Fiat Toro Ultra é apostar no conceito chamado de SUP, sigla para sport utility pick-up. Ou seja: junta o conforto e versatilidade dos SUVs, mas mantém a capacidade de trabalho de uma picape. E o principal responsável por essa mudança de foco é mesmo a tampa rígida que cobre a caçamba, que oferece maior segurança para o uso em cidades.

Com ela, é possível criar uma área de bagagem fechada, realmente protegida, enquanto a tradicional capota marítima oferece uma proteção mais visual do que prática. A tampa rígida é removível e vem com uma capa protetora para ser guardada.

Para reforçar a urbanidade da Toro, os detalhes estéticos incluídos no modelo buscam dar um ar mais sofisticado e luxuoso. Em relação às versões mais luxuosas da Toro, a Ultra perde vários cromados, como o dos frisos na grade, das maçanetas, do friso na base da janela, do friso base da porta e na moldura do cluster do farol de neblina, que passam a ser pretos no carro.

A parte interna da moldura de proteção na base do para-choque, o chamado overbump, que em geral é prateado, aqui é preto e o emblema da Fiat é na versão escurecida, como na S Design. Outro detalhe que diferencia a Ultra são as rodas aro 18, diamantadas e parcialmente pintadas em preto brilhante. Elas calçam pneus 225/60 R17.

A carcaça dos retrovisores externos, normalmente pintada na cor do carro ou como na Ranch, cromado, é em preto brilhante. As maçanetas são na cor do veículo, assim como a tampa traseira e a carenagem do santantônio integrado. Estribos e rack de teto são em preto. Na tampa traseira, o logo da Fiat, que atua como maçaneta, aqui é em preto, e as letras de identificação são em metal polido. Ali fica um dos quatro emblemas em metal polido e preto com a palavra Ultra – os outros ficam cada um em uma das portas dianteiras e o último no console central, logo abaixo do comando do ar-condicionado.

No painel, apenas os anéis em torno dos botões do ar-condicionado e do velocímetro e conta-giros são cromados.

O nome Ultra em cinza volta a aparecer no encosto dos bancos dianteiros. Um detalhe que também distingue a versão é a moldura da tela da central multimídia, em preto brilhante.

O sistema Uconnect traz uma tela touch de sete polegadas, com conexão via Bluetooth e via cabo USB com Apple CarPlay e Android Auto, e conta com GPS nativo e acesso por comando de voz. O painel também traz outra tela de sete polegadas, que permite monitorar diversas funções do carro e informações do computador de bordo, através do volante multifuncional – por onde ainda se aciona o controle de cruzeiro.

A Ultra ainda conta com sete airbags, ar-condicionado de duas zonas e sensores de chuva, de luz e de obstáculos traseiro integrado à câmera de ré.

Fiat Toro Ultra 2.0 AT9 4X4

  • MOTOR: diesel, dianteiro, transversal, 1.956 cm³, turbo, quatro cilindros em linha e quatro válvulas por cilindro
  • CÂMBIO: automático de nove marchas à frente e uma a ré. Tração 4X4. Oferece controle de tração
  • POTÊNCIA: 170 cv a 3.750 rpm
  • TORQUE MÁXIMO: 35,7 kgfm a 1.750 giros
  • PNEUS: 225/65 R17
  • PESO: 1.930 kg
  • CAÇAMBA: 850 litros
  • TANQUE: 60 litros
  • PRODUÇÃO: Goiana, Pernambuco
  • PREÇO: R$ 181.490 (R$ 184.593 em São Paulo)

Publicidade