03 de junho de 2020 Atualizado 19:22

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Mais Estilo

Como organizar brinquedos durante isolamento

Em tempos de isolamento, empregue o seu tempo em casa com coisas que você sempre adia para depois: gastando pouco, inspire-se com ideias criativas

Por Da Redação

28 mar 2020 às 12:06

Quem tem filhos sabe que manter a casa arrumada é um verdadeiro desafio. Bem que o filósofo Mário Sergio Cortella disse que uma casa arrumada é uma casa triste. A alegria dos pequenos é tão intensa que nos impede de manter as coisas no lugar na maior parte do tempo.

É claro que existe um limite entre a bagunça normal do dia-a-dia e aquela bagunça que sai do controle e começa a atrapalhar a rotina. E para manter esse mínimo de organização, é preciso criar soluções práticas e que, principalmente, se possa envolver as crianças no processo.

Foto: Divulgação
Este tipo de estante pode ser usado para várias coisas: brinquedos, livros, baldes

Fonte: https://tudoela.com/como-organizar-brinquedos-gastando-pouco

Inspire-se com ideias criativas

Dicas básicas

Antes de partir para as ideias e inspirações, pense sobre como deve ser a organização dos brinquedos. Independente da forma como você vai arrumá-los na sua casa, é importante ter algumas coisas em mente.

Acessibilidade

Para garantir que o ambiente fique prático para os momentos de brincadeira, procure organizar os brinquedos num local acessível para as crianças. Você pode estar pensando: mas assim elas podem fazer mais bagunça! E na sua casa existem, com certeza muitas coisas que estão ao alcance das crianças, mas que não é interessante que elas fiquem mexendo.

Então, talvez seja melhor deixar os brinquedos acessíveis para elas e garantir que brinquem com os objetos adequados. Deixar os brinquedos acessíveis também tem outra vantagem: você pode contar com a ajuda dos pequenos na hora de guardar tudo.

É preciso ter paciência, já que eles demoram muito mais do que nós para fazer as coisas, mas deixá-los participar das tarefas e respeitar seu processo de aprendizagem vai render bons frutos, acredite.

Faça brinquedos com eles

Outra coisa interessante é investir em brinquedos no estilo “faça você mesma”, porque eles são econômicos. Costumam não durar muito, é verdade, mas você vai perceber que as crianças enjoam dos brinquedos, então o fato de terem grande rotatividade vai permitir que o pequeno ajude você a fazer os brinquedos e também que sempre haja novos.

Cantinho de brincadeiras

Criar um cantinho da brincadeira também evita que os brinquedos fiquem espalhados pela casa toda, porque se cria um ambiente acolhedor e aconchegante para a criança brincar. Mesmo que você não tenha muito espaço, é possível adaptar a decoração para criar um cantinho lúdico.

Por exemplo, uma caixa de brinquedos ao lado do móvel da televisão, na sala. É lá que a família passa seu tempo junto e deixar os brinquedos ali é um jeito de manter o bebê por perto e a família unida por mais tempo.

Ideias para organizar os brinquedos

Para economizar na organização dos brinquedos, é preciso gastar muita criatividade. Uma coisa que você pode fazer é procurar o que tem em casa e, quando puder sair, tirar um tempo para visitar uma daquelas lojas de R$1,99. Lá é possível encontrar os mais variados tipos de cestos e caixas a um preço muito acessível. Veja algumas ideias:

Quarto montessoriano

Dicas para economizar na decoração

O quarto montessoriano está cada vez mais caindo no gosto das famílias. Mas, para quem não pode comprar móveis específicos para o método, o jeito é usar a criatividade. Além de criatividade, também é necessário conhecer os princípios do método montessoriano para montar o quarto adaptado para a idade de seu filho.

Foto: Pinterest
Quarto montessoriano

O método montessoriano foi criado por Maria Montessori no início do século 20, ou seja, não é algo tão novo assim. Na verdade, este método já é utilizado como base pedagógica para a atuação de educadores e cuidadores de crianças.

Cada fase de desenvolvimento da criança vai exigir pequenas adaptações no ambiente. E, como cada criança possui uma personalidade diferente, é bem possível que seu desenvolvimento possa variar também de uma para outra.
A decoração do quarto montessoriano não precisa ser de móveis planejados que estão longe de entrar no orçamento da família. Na verdade, pequenas modificações podem ajudar a criança a se desenvolver e sentir que é capaz de fazer pequenas coisas.

Foto: Pinterest
Quarto montessoriano

Regrinhas básicas para montar um quarto montessoriano

cama baixa: a cama deve ser numa altura que a criança possa subir e descer dela com mais liberdade;
espelho baixo: o espelho no mesmo nível do bebê ajuda a eles se reconhecerem conforme crescem;
brinquedos à mão: os brinquedos devem estar num lugar onde a criança possa alcançar com facilidade;
pisos e tapetes seguros: é importante que o local onde a criança brinca seja seguro para que ela possa brincar mais livremente, você pode fazer um tapete com placas de EVA.

Cabana

As cabanas são uma opção muito divertida para compor a decoração do quarto montessoriano. Além de envolver a criança no processo de produção, você vai ajudar a criar um espaço de brincadeiras e imaginação muito importante. A cabana pode ser desmontada e guardada para momentos especiais. Mas, também é possível montá-la junto à cama da criança, criando um clima de aconchego muito gostoso.