03 de julho de 2020 Atualizado 14:55

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Fique em casa

Estudo em casa requer novas regras e disciplina

Especialista fala sobre iniciativas que podem ajudar a manter o aprendizado em dia

Por Danilo Reenlsober

05 abr 2020 às 08:36 • Última atualização 05 abr 2020 às 09:01

Desde o início da pandemia de coronavírus (Covid-19), as cidades da RPT (Região do Polo Têxtil), seguindo as recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) e do Ministério da Saúde, suspenderam temporariamente as aulas das escolas públicas e privadas para evitar a proliferação da doença que, muitas vezes, é assintomática em crianças e jovens.

Isso trouxe uma nova preocupação aos pais de alunos. Afinal, como manter os estudos em dia, mesmo em período de isolamento total? A Secretaria Estadual da Educação, por exemplo, garantiu que as atividades escolares podem ser realizadas por meio de EAD (ensino a distância) aos alunos do ensino fundamental e médio, durante o período de suspensão das aulas. A mesma m edida tem sido adotada por escolas particulares.

Foto: Andrea Piacquadio / Pexels
A dica é estabelecer um horário fixo para os estudos em casa, no mesmo período em que a criança frequentava a escola

“Estudar sozinho exige dedicação, por isso o ideal é que os jovens estabeleçam um horário fixo para que se concentrem apenas nessa atividade”, explicou o consultor pedagógico Flávio Constantino. “No caso dos pequenos, os responsáveis podem ajudar a implantar essa nova rotina em casa. Saber se planejar é fundamental em qualquer área da vida, por isso esse aprendizado será muito valioso para eles de uma forma geral”.

Clique aqui e se inscreva no nosso canal do Telegram e receba as notícias no seu celular!

Cronograma

Segundo o especialista, uma boa dica é montar um cronograma de acordo com a grade de horário que estão habituados na escola. Ou seja, se eles vão para a escola pela manhã, manter esse horário reservado para os estudos mesmo em casa. Tudo, claro, sem exageros. “A ideia é fazer um pouquinho por dia, mantendo a grade curricular da escola e evitando sobrecarga de informações”.

Para que os estudantes não percam a motivação, outra sugestão é alternar os estudos entre as disciplinas que eles têm mais facilidade e as que acham mais complicadas. “Com essa sugestão eles não terão aquela sensação de exaustão com os estudos”, reforçou Constantino.

Saiba tudo sobre o coronavírus, o que ele provoca e como se prevenir

Importância da leitura

Importante não apenas em período escolar, mas por toda a vida, o hábito da leitura deve ser estimulado nesse momento de isolamento. De acordo com o especialista, com esse tempo a mais em casa, o ideal é separar um período do dia para a leitura de livros que estimulem o desenvolvimento pessoal, intelectual, crítico, criatividade e também entretenham. “Sugerimos que os responsáveis também ajudem na escolha das obras”, recomendou.

Faça uso dos recursos online

Aproveitar as plataformas e aplicativos para montar grupos de estudos online é uma grande arma a favor da educação. Muitas escolas, principalmente as particulares, já possuem aplicativos próprios, o que facilita na hora das tarefas e das aulas. Vídeos, textos, imagens e até mesmo jogos online podem ser muito úteis na hora do estudo. O intuito deve ser sempre desenvolver as competências digitais citadas na Base Nacional Comum Curricular.

Além da Capa, o podcast do LIBERAL

A demanda por informação de fontes confiáveis durante a pandemia do novo coronavírus mostra reflexo nos números de audiência de veículos profissionais, como é o caso do próprio LIBERAL. Além disso, demanda um esforço contínuo de quem atua nesse segmento no poder público, caso do secretário de Comunicação do Estado de São Paulo, Cléber Mata, que reside em Americana. Esse é o tema da edição deste domingo do Além da Capa, o podcast do LIBERAL.

{{1}}