Hamilton demonstra ‘fome de título’ e lidera segundo treino livre do GP dos EUA


Lewis Hamilton mostrou estar disposto a ganhar o seu sexto título mundial neste domingo, no GP dos Estados Unidos, após registrar o melhor tempo no segundo treino livre desta sexta-feira, no circuito de Austin, no Texas. O piloto da Mercedes fez a volta mais rápida em 1min33s232, seguido pelo monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, que ficou a 0s301 do líder, e pelo holandês Max Verstappen, da Red Bull, com uma marca 0s315 mais lenta do que a do britânico.

Companheiro de Hamilton na Mercedes, o finlandês Valtteri Bottas, único piloto que pode evitar o sexto título mundial do britânico, ficou com a quinta colocação, bem distante do favorito ao título ao percorrer a sua volta mais rápida com um tempo 0s813 pior do que o do pentacampeão do mundo. E ele também terminou atrás do alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, quarto colocado e 0s658 atrás do líder.

Completaram os dez primeiros, da sexta à décima colocações, pela ordem: o tailandês Alexander Albon, da Red Bull, o francês Pierre Gasly (Toro Rosso), o espanhol Carlos Sainz Jr (McLaren), o canadense Lance Stroll (Racing Point) e o italiano Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo).

A segunda sessão de treino livre em Austin foi interrompida quando tinha apenas 12 minutos de duração, após o francês Romain Grosjean perder o controle de sua Haas e bater na curva 6 no circuito norte-americano.

Hamilton tem 74 pontos de vantagem sobre Bottas (363 a 289). Para ser campeão nos Estados Unidos, o inglês precisa terminar a corrida em oitavo lugar. E isso se Bottas vencer a prova. Caso o finlandês não conquiste a vitória, o título estará garantido para o inglês.

A terceira e última sessão de treinos livres do GP dos EUA começa às 15 horas (de Brasília) deste sábado, enquanto a definição do grid ocorrerá em seguida, a partir das 18h. A corrida, no domingo, tem largada às 16h10.

Depois do GP nos Estados Unidos, a Fórmula 1 ainda terá mais duas corridas este ano. O GP do Brasil, no circuito em Interlagos, em São Paulo, será disputado no dia 17 de novembro. A prova derradeira da temporada, em Abu Dabi, está marcada para o dia 1.º de dezembro.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora