Force India oficializa Lance Stroll e F-1 tem grid confirmado para 2019

A Force India enfim oficializou nesta sexta-feira o piloto canadense Lance Stroll para a temporada 2019 da Fórmula 1. Ele…


A Force India enfim oficializou nesta sexta-feira o piloto canadense Lance Stroll para a temporada 2019 da Fórmula 1. Ele será o parceiro do mexicano Sergio Pérez. Com a confirmação, já esperada nas últimas semanas, o grid do campeonato do próximo ano está definido. A vaga na Force India era a última ainda pendente.

O anúncio da equipe foi a formalização de um acerto que já era dado como certo desde agosto, quando a Force India passou por uma brusca mudança de gestão. Falida, a equipe entrara em processo de administração judicial e sua gestão foi assumida por um consórcio de empresários liderado pelo bilionário Lawrence Stroll, pai do piloto canadense.

Com a chegada do seu pai ao comando do time, Lance deixou naturalmente a Williams ao fim da temporada. Apesar da tradição, a equipe britânica vem sofrendo com a falta de recursos nos últimos anos e terminou o Mundial de Construtores desta temporada na última colocação, com apenas 7 pontos conquistados em 21 etapas. Lance pilotava pela Williams desde o ano passado – foi parceiro do brasileiro Felipe Massa em 2017.

Na Force India, Stroll vai substituir o francês Esteban Ocon, um dos pilotos mais elogiados do campeonato deste ano. Mas que acabou ficando sem assento para 2019. Ele será piloto reserva da Mercedes na próxima temporada.

A direção da Force India não revelou os detalhes do contrato e nem o período do acordo. Disse apenas se tratar de um “acordo de longo duração”. “Estou feliz por podermos finalmente confirmar a chegada de Lance para correr ao lado de Sergio no ano que vem”, disse o chefe da Force India, Otmar Szafnauer. “Isso vai nos dar uma excelente dupla de pilotos, com uma mistura de juventude, talento e experiência para 2019.”

Aos 20 anos, Stroll vai disputar em 2019 sua terceira temporada na F-1. Neste ano, ele sofreu com as limitações técnicas da Williams e foi apenas o 18º colocado no Mundial de Pilotos, com seis pontos conquistados. Ao fim do campeonato, ele já participou do teste em Abu Dabi, nesta semana, pilotando o carro da Force India.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!