16 de janeiro de 2021 Atualizado 09:27

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Luto no futebol

Vaticano diz que papa rezou por Maradona e relembrou encontros com o craque

Porta-voz disse que o papa “relembrou com carinho dos momentos em que se encontraram”

Por Agência Estado

25 nov 2020 às 19:36 • Última atualização 26 nov 2020 às 10:25

O Vaticano revelou que o papa Francisco lembrou de Diego Maradona em suas orações após saber da morte da lenda do futebol nesta quarta-feira. O craque argentino faleceu na sua residência, em Tigre, na região metropolitana de Buenos Aires, após sofrer uma parada cardiorrespiratória.

O porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni, disse que o papa, após ser informado do falecimento de Maradona, “relembrou com carinho dos momentos em que se encontraram nestes anos e lembrou-se dele em sua oração.” Ele afirmou, ainda, que Francisco tinha rezado pelo compatriota nos últimos dias, quando soube dos seus problemas de saúde.

O papa argentino, um fã de futebol e torcedor do San Lorenzo, se encontrou com Maradona no Vaticano em 1.º de setembro de 2014, durante uma audiência especial relacionada a uma partida de futebol beneficente, que foi disputada no Estádio Olímpico de Roma. Na ocasião, Maradona presenteou o pontífice com uma camisa de futebol, estampada com o nome “Francisco” e que tinha o seu autógrafo.

Os dois se encontraram novamente em 2015, ainda que Francisco não tenha estado na Argentina desde 2013, quando ele voou a Roma para o conclave que o elegeu como pontífice.

O Vaticano News, braço de mídia da Santa Sé, referiu-se a Maradona como o “poeta da
futebol.” Além disso, classificou o craque argentino como um “jogador de futebol extraordinário, um frágil homem”, dizendo que sua vida foi marcada em vários momentos pela praga das drogas.”

Publicidade