Wawrinka leva virada e é derrotado na estreia em Genebra


O suíço Stan Wawrinka decepcionou a torcida nesta quarta-feira ao ser eliminado logo em sua estreia no Torneio de Genebra, de nível ATP 250. O convidado da organização, e uma das esperanças da torcida suíça, foi derrotado pelo bósnio Damir Dzumhur por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/3 e 6/4.

Dzumhur, 57º do ranking, veio do qualifying, mas não se intimidou nem com a torcida e nem com o favoritismo do tenista da casa. O bósnio buscou a virada contra o 27º do mundo, e ex-número três do mundo, graças ao bom rendimento no saque no segundo e terceiro sets. Fechou a partida em 1h56min.

Nas quartas de final, o tenista da Bósnia vai enfrentar o moldávio Radu Albot, quinto cabeça de chave, que avançou ao superar o argentino Juan Ignacio Londero por 6/1, 6/7 (3/7) e 6/4.

Os outros confrontos das quartas de final terão o japonês Taro Daniel contra o chileno Nicolas Jarry e o argentino Federico Delbonis contra o espanhol Albert Ramos-Viñolas. Todos entraram em quadra nesta quarta e venceram seus confrontos.

A outra partida das quartas de final vai reunir o alemão Alexander Zverev, principal candidato ao título, e o boliviano Hugo Dellien.

FRANÇA – No Torneio de Lyon, outro preparatório para Roland Garros nesta semana, um tenista da casa também decepcionou. O francês Richard Gasquet sequer entrou em quadra diante do norte-americano Taylor Fritz. Ele alegou problema físico para abandonar às vésperas do Grand Slam francês, que terá início no dia 26.

Já os principais favoritos e o local Jo-Wilfried Tsonga não decepcionaram. O georgiano Nikoloz Basilashvili, cabeça de chave número 1, bateu o local Tristan Lamasine por duplo 7/5, enquanto o espanhol Roberto Bautista Agut, segundo pré-classificado, superou o também local Corentin Moutet por 4/6, 6/4 e 6/3.

Basilashvili enfrentará nas quartas Tsonga, que avançou ao derrotar o canadense Steven Diez por 3/6, 7/6 (7/2) e 6/3. Bautista Agut, por sua vez, terá pela frente Taylor Fritz.

Outro duelo das quartas terá o canadense Denis Shapovalov, que bateu o local Ugo Humbert por 2/6, 7/6 (7/3) e 6/2, e o local Benoit Paire, algoz do uruguaio Pablo Cuevas por 6/4 e 6/3.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora