De virada, Osaka supera Azarenka e vai à 3ª rodada de Roland Garros


Em mais um duelo sofrido em Roland Garros, a japonesa Naomi Osaka precisou buscar a virada para superar a experiente bielo-russa Victoria Azarenka por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 7/5 e 6/3, em 2h50min de confronto. O triunfo desta quinta-feira levou a número 1 do mundo à terceira rodada do Grand Slam francês.

Osaka já havia tido dificuldades na estreia, quando chegou a levar um “pneu” da eslovaca Anna Karolina Schmiedlova, atual 90ª do ranking. E também vencera de virada, como aconteceu nesta quinta. Desta vez, porém, a adversária tinha currículo bem mais expressivo.

Figurando no 43º posto do ranking, a bielo-russa já ocupou o topo do ranking e é dona de dois títulos de Grand Slam, ambos conquistados no Aberto da Austrália. Além disso, foi vice por duas vezes no US Open, que Osaka venceu em sua primeira grande conquista no ano passado. A japonesa levou também o troféu na Austrália, em janeiro.

Foi deste embate que saiu um dos melhores jogos da chave feminina desta edição de Roland Garros até agora. Azarenka começou melhor e faturou duas quebras de saque no primeiro set, contra apenas uma da japonesa, para abrir vantagem.

A situação se inverteu na segunda parcial, com maior domínio da líder do ranking. Osaka obteve duas quebras em 11 oportunidades cedidas pela bielo-russa. O controle da favorita no duelo foi mantido no terceiro set. Azarenka tentou reagir quando Osaka sacava para fechar o jogo, mas neutralizou apenas um match point e não aproveitou a sua chance de quebra.

Na terceira rodada, Osaka vai encarar a checa Katerina Siniakova, que despachou a grega Maria Sakkari também por 2 a 1, com parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (8/10) e 6/3. Siniakova, 42ª do mundo, e Osaka vão se enfrentar pela segunda vez no circuito. Na primeira, a japonesa levou a melhor, no ano passado, na quadra dura do Catar.

Outra cabeça de chave a avançar nesta quinta foi a australiana Ashleigh Barty. A oitava pré-classificada superou a norte-americana Danielle Collins por 7/5 e 6/1. Sua próxima adversária vai sair do duelo entre a taiwanesa Su-Wei Hsieh e a alemã Andrea Petkovic.

Já a chinesa Qiang Wang (16ª cabeça de chave) e a bielo-russa Aryna Sabalenka (11ª) foram eliminadas nesta quinta. Sabalenka caiu diante da jovem norte-americana Amanda Anisimova por 6/4 e 6/2. Wang, por sua vez, foi superada pela polonesa Iga Swiatek com direito a um “pneu”: 6/3 e 6/0.

Além delas, duas experientes tenistas do circuito se despediram da chave de simples nesta quinta. A australiana Samantha Stosur, ex-número quatro do mundo, foi derrotada pela russa Ekaterina Alexandrova por 3/6, 6/1 e 6/4. E a romena Sorana Cirstea perdeu da espanhola Aliona Bolsova Zadoinov por 7/6 (7/5) e 7/6 (7/3).

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora