15 de maio de 2021 Atualizado 19:59

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Robson Conceição entra pela 1ª vez em um ranking e é o 15º da OMB nos superpenas

Por Agência Estado

22 abr 2021 às 12:01 • Última atualização 22 abr 2021 às 13:28

Como era esperado, a vitória sobre o mexicano Juan Antonio Ahumada, no último dia 10, em Tulsa, nos Estados Unidos, colocou Robson Conceição no ranking mundial pela primeira vez. O pugilista brasileiro aparece em 15.º lugar na Organização Mundial de Boxe (OMB) na categoria superpenas. Isso após 16 vitórias, sendo oito nocautes.

Com isso, o campeão olímpico nos Jogos do Rio-2016, aos 32 anos, dá um passo decisivo na carreira e a partir de agora poderá disputar combates importantes em busca de um chance de chegar ao título mundial. O brasileiro tem contrato com a empresa Top Rank, comandada pelo empresário Bob Arum.

Segundo o técnico Luiz Dorea, Robson Conceição deverá voltar a lutar em agosto ou setembro deste ano. O americano Jamel Herring é o dono do cinturão dos superpenas pela OMB.

Contra Juan Antonio Ahumada, Robson Conceição mostrou estar em grande forma física e tomou conta do quadrilátero desde o primeiro assalto. Muito rápido, conseguiu logo aplicar sequências de três, quatro golpes, com destaque para o gancho de esquerda.

No terceiro round, o mexicano partiu para a briga e passou a trocar golpes com Robson Conceição e a luta ficou perigosa. O brasileiro passou a atuar no contragolpe no quarto assalto e conteve o ataque rival, que, por muitas vezes, passou no vazio.

Com grande variedade de golpes, Robson Conceição passou a usar bem o direto de direita, que explodiu várias vezes no rosto de Juan Antonio Ahumada, bastante ensanguentado. Desesperado, o mexicano soltou muitos golpes no sexto round, mas o índice de acerto foi mínimo, com o brasileiro usando muito bem a esquiva.

No sétimo round, Robson Conceição usou o jab e só precisou de 20 segundos para conectar um direto no peito e uma esquerda em gancho na cabeça de Juan Antonio Ahumada, que foi à lona. O juiz contou até oito, mas encerrou o combate.

Publicidade