05 de março de 2021 Atualizado 22:55

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Neymar faz desabafo após nova lesão: ‘Não sei até quando aguentarei’

Atacante lamentou a dor 'imens'", o choro "constante", rebateu as críticas e até deixou no ar uma eventual aposentadoria precoce

Por Agência Estado

11 fev 2021 às 14:17 • Última atualização 11 fev 2021 às 14:44

Poucos minutos após o Paris Saint-Germain confirmar nova lesão de Neymar, o atacante fez um desabafo em suas redes sociais. O jogador do time francês e da seleção brasileira lamentou a dor “imensa”, o choro “constante”, rebateu as críticas e até deixou no ar uma eventual aposentadoria precoce: “não sei até quando aguentarei”.

“A tristeza é grande, a dor é imensa e o choro é constante. Mais uma vez pararei por um tempo de fazer o que eu mais amo na vida que é jogar futebol. Às vezes eu me sinto incomodado pelo meu estilo de jogo, por eu driblar e acabar apanhando constantemente, não sei se o problema sou eu ou que faço em campo.. isso realmente me entristece”, disse Neymar, em publicação acompanhada de uma foto sua deitado no gramado, com dores.

Pouco antes, o PSG confirmara que o jogador ficará afastado por um mês em razão de uma lesão no músculo adutor da coxa esquerda. Assim, Neymar vai desfalcar o time francês ao menos em um dos dois confrontos com o Barcelona, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. O primeiro jogo será na próxima terça-feira, no Camp Nou.

Neymar se lesionou na quarta, durante triunfo por 1 a 0 sobre o Caen, pela Copa da França. O atacante brasileiro deu o passe para o único gol da partida e foi substituído, reclamando de dores, logo após sofrer uma entrada dura de um adversário.

Na mesma publicação nas redes sociais, o atacante rebateu as críticas de “cai cai”. “Me deixa triste demais ter escutar de jogador, treinador, comentarista ou o c**** a 4 ‘ele tem que apanhar mesmo’, ‘cai cai’, ‘chorão’, ‘moleque’, ‘mimado’ e etc…”, declarou Neymar.

Aos 29 anos, o atacante da seleção chegou a indicar que pode abandonar os gramados mais cedo que o esperado em caso de novas lesões. “Sinceramente isso me entristece e não sei até quando aguentarei, eu só quero ser feliz jogando futebol. NADA MAIS”, enfatizou o jogador.

A nova contusão volta a deixar Neymar fora de compromissos decisivos da Liga dos Campeões. Foi assim em 2018 e em 2019, quando perdeu duelos com Real Madrid e Manchester United. Na temporada passada, no entanto, conseguiu conduzir o time até a final, vencida pelo Bayern de Munique.

Publicidade