Rival de Cielo, francês Manaudou retorna às piscinas para competir em Tóquio-2020

Rival de Cesar Cielo nas piscinas, o francês Florent Manaudou anunciou nesta terça-feira o seu retorno às competições. O nadador…


Rival de Cesar Cielo nas piscinas, o francês Florent Manaudou anunciou nesta terça-feira o seu retorno às competições. O nadador de 28 anos, campeão olímpico dos 50 metros livres nos Jogos Olímpicos de Londres-2012, não compete oficialmente desde o Rio-2016. Sua meta é estar em boas condições para brigar por medalha em Tóquio, no próximo ano.

“Estou empolgado por nadar novamente e competir com os melhores”, disse o atleta, em entrevista ao jornal francês L’Equipe. “Quero voltar a treinar, a curtir os treinos, algo que não faço desde os Jogos do Rio-2016.” Há quase três anos, na Olimpíada disputada no Brasil, ele foi o medalhista de prata nos 50m livre.

Desde então, Manaudou se afastou das piscinas e passou a se dedicar ao handebol e também a filmes e séries. Foram três participações em séries para a televisão francesa, a última delas no ano passado.

“Eu me diverti muito fazendo coisas que eu queria fazer há um bom tempo, mas que não podia porque estava nadando. Eu joguei handebol e fiz um pouco de cinema… Mas conversando com minha família, meus ex-treinadores, eu lancei este desafio para mim: voltar a competir”, declarou o atleta, que também abriu um restaurante em Marselha neste período.

Em seu retorno às piscinas, o francês voltará a treinar com James Gibson, seu técnico antes de sua pausa no esporte. Sua meta é obter o índice para os Jogos de Tóquio-2020, já de olho na edição de 2024 da Olimpíada, que será disputada em Paris, diante de sua torcida.

Antes de se afastar das competições, Manaudou era um dos principais rivais de Cesar Cielo e Bruno Fratus, todos especialistas em provas curtas, de velocidade. Em Londres-2012, o francês levou a melhor ao vencer a prova dos 50 metros livre, deixando Cielo com o bronze – o brasileiro era o atual campeão olímpico na época. No Rio-2016, o brasileiro não obteve a classificação para disputar a Olimpíada. Manaudou foi prata na mesma prova, enquanto Fratus dividiu a sexta posição com o sul-africano Brad Tandy.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora