Atleta da seleção deixa equipe da Natação Americana

Convocado para o Sul-Americano do próximo ano, Fábio Santi troca equipe local e vai defender o Pinheiros, já que reside em São Paulo


Ainda como representante da Natação Americana, o paulistano Fábio Santi apareceu, nesta semana, na lista dos brasileiros convocados para o Sul-Americano Absoluto de 2020. Porém, ele não faz mais parte da equipe americanense.

Na próxima temporada, o atleta de 30 anos passará a competir pelo Pinheiros, de São Paulo, após uma passagem de dois anos pela Natação Americana. “Saí feliz. Fiz muitos amigos aí. Tenho só que agradecer a Americana”, declarou.

Fábio apontou que, apesar de seu vínculo com a equipe americanense, ele treinava na capital paulista, sua cidade natal. Os treinos eram totalmente individualizados, situação que não lhe agradava. “Eu não estava me sentindo feliz, motivado”, disse. “Sempre gostei de estar com a galera”.

Foto: Satiro Sodré / SSPress / CBDA
Atleta de 30 anos passará a competir pelo Pinheiros, de São Paulo

O paulistano também descartou se mudar para Americana. Ele decidiu continuar em São Paulo, onde pode ficar junto de sua família.

Inclusive, Fábio já começou a treinar no Pinheiros, mas só poderá reforçar o clube em competições a partir de janeiro, pois os atletas não podem representar duas equipes no mesmo ano.

O próximo compromisso dele é o Campeonato Paulista Júnior e Sênior de Verão, que será disputado nas instalações do Corinthians, em São Paulo, entre esta quinta-feira e domingo. Por ter se desligado da Natação Americana, Fábio estará sem equipe no torneio.

Dentro da programação para 2020, haverá a disputa do Sul-Americano, que está marcado para o período de 23 a 30 de março, em Buenos Aires, na Argentina. A última vez que Fábio esteve na seleção foi na edição de 2016 do mesmo campeonato.

Ele conquistou a classificação por conta de seus resultados no último Troféu José Finkel, o Campeonato Brasileiro Interclubes, realizado em setembro, na cidade de Curitiba.

Naquela ocasião, o paulistano faturou a medalha de bronze nos 50, 100 e 200 metros costas. À época, ele ainda era da Natação Americana – por isso que, na convocação, o atleta figura como representante da equipe americanense.

Fábio vai disputar as mesmas três provas no Sul-Americano. “Representar o Brasil num nível internacional é sempre prazeroso”, afirmou.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora