Zarif tem novo dia ruim e cai para o 35º lugar no Mundial da classe Finn


O brasileiro Jorge Zarif segue em situação complicada na Finn Gold Cup, o campeonato mundial da classe, que está sendo realizado em Melbourne, na Austrália. Nesta terça-feira, o líder do ranking perdeu mais duas posições e agora ocupa a 35ª colocação na classificação geral após a realização da quinta, sexta e sétima regatas da competição.

Zarif havia terminado o dia de abertura do Mundial em 31º, fechou o segundo em 33º e agora figura na 35ª posição. Nesta quinta-feira, Zarif foi desclassificado da primeira regata. E depois ficou na 31ª e na 21ª posição nas disputas seguintes. Como o descarte de cada velejador passou a ser computado para a classificação geral, o brasileiro está com 177 pontos perdidos.

O neozelandês Josh Junior continua na liderança, agora com 17 pontos perdidos. Ele lidera a competição desde o primeiro dia, tendo vencido duas das sete regatas realizadas. E o britânico Giles Scott, campeão olímpico no Rio-2016, saltou para a segunda posição, com 30 pontos, perdidos, após vencer uma das regatas do dia. Logo atrás vem o húngaro Zsombor Berecz e o holandês Nicholas Heiner, ambos com 35 pontos perdidos.

Com três regatas marcadas, a fase classificatória do Mundial da classe Finn chegará ao fim nesta sexta-feira. No dia seguinte, a competição vai terminar com a disputa da medal race.

Zarif foi campeão mundial em 2013, sendo que Jörg Bruder é o outro brasileiro que já faturou o título, três vezes e de modo consecutivo, de 1970 até 1972.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora