Tenista da nova geração, Andrey Rublev elimina Federer nas oitavas em Cincinnati


Em um duelo de gerações do tênis, o mais novo surpreendeu. Nesta quinta-feira, o suíço Roger Federer, de 38 anos e sete vezes campeão do Masters 1000 de Cincinnati, foi eliminado de forma precoce nas oitavas de final da competição em quadras rápidas nos Estados Unidos ao cair para o russo Andrey Rublev, de 23, por 2 sets a 0, com as parciais de 6/3 e 6/4. O que impressiona foi a rapidez, em apenas 1 hora e 1 minuto, com que o atual número 70 do mundo bateu o terceiro colocado do ranking da ATP e um dos maiores nomes da modalidade na história.

Ao final da partida, depois de cumprimentar Federer na rede, Rublev estava emocionado com a vitória mais importante de sua carreira. Este foi apenas o terceiro triunfo do russo contra um tenista Top 10, sendo o primeiro contra um dos representantes do “Big 3” – os outros são o sérvio Novak Djokovic e o espanhol Rafael Nadal. Antes do suíço, Rublev havia ganhado do austríaco Dominic Thiem, número 4 do mundo, no saibro de Hamburgo, na Alemanha, e do búlgaro Grigor Dimitrov, então nono colocado, no US Open de 2017.

Com a vitória sobre Federer, o russo mostra que está em grande fase nesta semana. Já é a sua melhor campanha na carreira em Masters 1000 depois de passar por duas rodadas do qualifying e derrotar o georgiano Nikoloz Basilashvili, atualmente dentro do Top 20, e o suíço Stan Wawrinka, ex-número 3 do mundo, pela chave principal.

Rublev agora terá um duelo russo contra Daniil Medvedev, jogador de 23 anos e oitavo colocado do ranking, que foi finalista do Masters 1000 de Montreal, no Canadá, na semana passada. Os dois jovens jogadores jamais se enfrentaram pelo circuito profissional. Para chegar às quartas de final, Medvedev ganhou com facilidade nesta quinta-feira do alemão Jan-Lennard Struff por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1.

OUTROS JOGOS – Responsável pela eliminação do conterrâneo Kei Nishikori na rodada anterior, o japonês Yoshihito Nishioka manteve o embalo e venceu mais uma em Cincinnati. Vindo do qualifying, derrotou agora o australiano Alex de Minaur por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4, e agora terá pela frente o belga David Goffin, que levou a melhor sobre o francês Andrian Mannarino também em sets diretos, com o placar final de 7/6 (8/6) e 6/2.

Também se classificou às quartas de final o francês Richard Gasquet, que ganhou do argentino Diego Schwartzman por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (8/6) e 6/3. Ele encara agora o espanhol Roberto Bautista Agut, que venceu o sérvio Miomir Kecmanovic, algoz do alemão Alexander Zverev na rodada anterior, por 6/1 e 6/2.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora